Criador de reboot de Queer As Folk revela seus planos para o futuro da série

Segundo o criador, os personagens ainda tem muito o que mostrar.

publicidade

Para todos que estão aguardando o anúncio de uma segunda temporada do novo Queer As Folk, o criador da série também quer mais episódios.

Stephen Dunn conversou com o Screen Rant sobre a produção, e ele admitiu que deixou muitas histórias sem resolução no final da primeira leva de episódios porque ele acha que tudo o que ficou de ‘rabo’ tem chances de ser trabalhado em uma nova temporada da atração.

publicidade

Ele deixou bem claro que não é a intenção dele representar todas as pessoas LGBTQIA+ do mundo todo, porque ele considera isso impossível. No entanto, ele disse que acha que Queer As Folk ainda tem muito mais a mostrar e muitas histórias para contar, caso a Peacock decida pela renovação:

“Ainda há muitas histórias que não foram contadas por enquanto, e eu acho que a gente terminou a temporada de uma maneira que meio que mostra isso. Porque pessoas queer existem em todas as comunidades ao redor do mundo todo, em todas as culturas. Nós não estamos tentando representar todo mundo, mas existe uma pletora de histórias que precisam ser contadas, e eu acho que a gente ainda tem muito com o que trabalhar na nossa série e muito mais histórias para mostrar.”

Até o momento, não há nenhuma informação oficial se a série vai ser renovada ou cancelada. Tudo vai depender da audiência da atração, que estreou há menos de um mês.

Sobre a série

Fin Argus é Mingus em Queer As Folk (Reprodução/Peacock)
Fin Argus é Mingus em Queer As Folk (Reprodução/Peacock)
publicidade

Apesar de pegar alguns elementos da série que originou o reboot, Queer As Folk traz como pano de fundo um atentado de crime de ódio contra uma boate LGBTQIA+, semelhante ao que aconteceu na boate Pulse, de Orlando, em 2016.

Os personagens da nova versão precisam pegar os pedacinhos da felicidade quebrada por uma pessoa odiosa e reconstruir a comunidade que agora está com medo de ser atacada apenas por serem quem são.

publicidade

Segundo a sinopse oficial:

“Passada em Nova Orleans, a série é uma reimaginação do programa de 1999 do Channel 4 criada por Russell T. Davies, que segue um grupo diverso de amigos que veem suas vidas transformadas com as consequências de uma tragédia.”

Infelizmente, o reboot de Queer As Folk ainda não tem previsão de lançamento no Brasil.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›