Co-criador Shining Vale comenta desafio em equilibrar terror e comédia

publicidade

Apesar de ser designada sobre o gênero de terror, a série Shining Vale traz um enredo de comédia de terror na medida certa, algo que foi apontado por seu co-criador, Jeff Astrof, como um dos maiores desafios ao criar o programa, durante uma recente entrevista para o site americano Screen Rant.

“O equilíbrio é, desde o início, o que Sharon (sua co-criadora) buscavamos, e minha primeira dúvida há três anos foi: ‘Você pode fazer algo realmente assustador e também muito engraçado?’ Algumas coisas são melhores na tela grande, com o som, e algumas pessoas disseram: ‘Oh, o que é assustador o suficiente?’ Meu pensamento no início era você escrever uma comédia e você filmá-la como um horror e então eu meio que mergulhei na psicologia dos personagens. Para mim, escrever comédias é fácil, é como eu penso, eu penso em padrões de piada. Eu tenho um escritor de terror na equipe que basicamente disse: ‘Não é assim que você começou o susto’, então também estava criando sustos, mas também não fazendo os mesmos sustos de salto, isso não está no meu sangue”, ele explicou.

publicidade
Greg Kinnear, Gus Birney, Dylan Cage e Courteney Cox em Shining Vale (Divulgação)

O produtor acrescentou que sua maior preocupação era não acabar transformando a série em uma paródia.

“Meu recente flex é como contar uma piada, então eu acho que equilibrar isso foi importante e também não fazê-lo como apenas uma paródia, porque eu acho que é um tipo de show que equilibra na cabeça de uma agulha. E eu acho que é exatamente isso, que se você for longe demais, então vem a ser uma paródia, e eu não queria que fosse uma paródia. Funcionou muito, muito bem porque, você sabe, usando O Iluminado como referência com uma trama psicológica, não há sustos em O Iluminado. Talvez quando Scatman Crothers recebe um machado no coração, não é um susto de salto em O Iluminado, é mais algo que te deixa desconfortável e eu acho que é isso que temos. Espero que a essa altura da história, você esteja realmente investido neste casal e os atores realmente te ajudem a chegar lá”, ele disse.

Ele admitiu, ainda, que eles demoraram mais tempo do que o esperado, devido não ter nenhum especialista de terror em sua equipe.

publicidade

“Mas eu diria que tivemos um problema com a forma como você entra em três sustos de salto em um episódio, enquanto ainda não é previsível, como: ‘Ok, aqui é onde ela se vira, e o fantasma está lá.’ E também, nós realmente não temos diretores de terror, horror certamente leva muito mais tempo para configurar, e esperar que isso significasse estes leves sustos por tanto tempo, mas a maneira como nós chegamos lá, demorou muito tempo para a empresa”, ele salientou.

Shining Vale está disponível no StarzPlay.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›