Sydney Sweeney, de Euphoria, entra para o elenco de Madame Web

publicidade

Sydney Sweeney se destacou em papéis nas séries The White Lotus e Euphoria da HBO, e agora entrará no universo de heróis da Marvel e da Sony no filme Madame Web.

Segundo o Deadline, Sweeney atuará ao lado de Dakota Johnson que foi escolhida para ser a protagonista do filme. Não se sabe quem Sweeney estará interpretando no filme.

publicidade

S.J. Clarkson é a diretora do longa-metragem. Matt Sazama, Kerem Sanga e Burk Sharpless escreveram o roteiro.

Sydney Sweeney compartilhou a notícia de seu elenco em Madame Web no Instagram. Onde apenas comentou com um emoji de aranha.

publicidade

Nos quadrinhos, Madame Teia é retratada como uma mulher idosa com uma doença rara e, portanto, estava conectada a um sistema de suporte à vida que parecia uma teia de aranha.

Devido à sua idade e condição médica, Madame Teia nunca lutou ativamente contra vilões, servindo mais como um conselheira. Por esse motivo, fontes enfatizaram que é possível que o projeto se transforme em outra coisa.

publicidade

Rumores dizem que devido a seus poderes sensoriais psíquicos da Madame Teia, ela é essencialmente a versão da Sony do Doutor Estranho.

A Sony está empenhada em ampliar seu universo de filmes baseados nos personagens de Homem-Aranha, principalmente com vilões e anti-heróis dos quadrinhos da Marvel.

Depois de Venom e Venom: Tempo de Carnificina, a Sony lançará o filme Morbius, bem como está selecionando o elenco do filme de Kraven, O Caçador. Além disso, já foi anunciado mais filmes de Tom Holland como Peter Parker.

Sugestão

publicidade

Em 2020, Olivia Wilde sugeriu em uma entrevista para a EW que Kevin Feige estava supervisionando um projeto baseado em uma personagem da Marvel Comics.

“Tudo o que posso dizer é que esta é de longe a coisa mais emocionante que já aconteceu comigo, porque não só posso contar uma história que… ouça-me, tentando evitar a arma de chumbo de Kevin Feige. Estamos vendo esse influxo incrível de diretoras e contadoras de histórias se apoderando desse gênero, esse espaço de super-heróis, e infundindo-o com sua própria perspectiva. Não apenas posso contar a história como diretora, mas também desenvolver a história e foi isso que a tornou tão incrível para mim. Eu posso fazer isso com você acima mencionada Katie Silverman, que, ela e eu adoramos fazer todo tipo de coisa juntos, mas nosso amor começou com o Booksmart. Saber que passamos de contar uma história sobre amizade feminina no ensino médio para essa outra estratosfera agora é super emocionante”.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›