Criadores de Stranger Things prometem “consertar” problema com Will igual em Star Wars

Por conta do furo, ninguém se lembrou do aniversário do personagem, mas criadores vão arrumar a situação.

publicidade

Os criadores de Stranger Things se manifestaram a respeito do problema de Will (Noah Schnapp), e prometeram que irão agir a respeito.

Desde que o volume um da quarta temporada da série da Netflix estreou no final de maio, muitos espectadores perceberam e apontaram que o dia em que Mike (Finn Wolfhard) chega na Califórnia, 22 de março, seria o mesmo dia do aniversário de Will, segundo uma fala de Joyce (Winona Ryder) na segunda temporada da série.

publicidade

Em uma entrevista concedidas para a revista Variety, os irmãos Duffer pediram desculpas pela mancada, que segundo eles foi um ‘erro de continuidade’, e afirmaram que irão corrigir o erro:

“Isso é triste demais! E não faz o mínimo sentido, narrativamente falando. Mas a gente estava conversando sobre isso ontem, e eu acho que a gente vai ‘George Lucasizar’ isso”, disse Matt Duffer.

Quando ele referencia George Lucas, o cineasta se refere à prática do diretor de alterar seus filmes anos depois de seu lançamento, como fez com Star Wars um punhado de vezes. O costume, que servia na maior parte das vezes para melhorar efeitos especiais, é considerado ‘sacrilégio’ por fãs mais conservadores, que acham que mexe com algo que eles consideram sagrado.

Matt contou que eles iriam mudar o áudio no episódio original, para que o aniversário de Will mudasse de 22 de março para 22 de maio, pois segundo o artista, “maio cabe na boca de Winona”.

publicidade

Segundo Ross Duffer, eles já fizeram isso algumas vezes em Stranger Things, e ninguém nem percebeu. Ele confessou que alterações foram feitas tão recentemente quanto no início deste mês, quando eles mudaram algumas cenas da quarta temporada depois de seu lançamento. “A gente já fez isso em outros momentos que as pessoas nem sabem a respeito”, contou.

Onze (Millie Bobby Brown) e Will (Noah Schanapp) em Stranger Things (Reprodução)

Netflix abriu exceção para criadores

publicidade

Ross também contou que a plataforma do N vermelhinho não costuma deixar acontecerem alterações em suas atrações antes dos primeiros 28 dias, mas que eles conseguiram convencer eles de deixar dessa vez e, embora tenha deixado seu irmão nervoso, tudo deu certo no final:

“Não é, tipo, história, mas você está essencialmente remendando as cenas. A Netflix diz, eu não acho que eles já deixaram que as pessoas arrumassem as coisas na semana de estreia ou mesmo no final de semana. E a gente disse, ‘Bem, por que não?’. E aí o Matt disse, ‘Bem isso nos deixa nervosos’, e eles responderam, ‘Bem, talvez a gente possa tentar dessa vez’. E acabou dando tudo certo.”

O volume um da quarta temporada de Stranger Things, composto de 7 episódios, já está disponível na Netflix. O volume dois, com os dois episódios finais, será lançado no dia 1º de julho.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›