Gloria Perez | Autora aprovou série sobre o assassinato da filha por motivo especial

Ela afirma que já estava na hora da história da filha ser contada de uma outra forma.

publicidade

A nova produção da HBO Max, conta a história do crime brutal envolvendo Daniella Perez, a filha da premiada autora Gloria Perez. Ela foi assassinada em 1992, pelo ator Guilherme de Pádua, com quem dividia a cena na novela De Corpo e Alma, da Rede Globo.

O documentário relembra como aconteceu o crime que chocou o público; e antes de ser produzido, passou pela aprovação de Gloria, que afirmou que não queria que a história se tornasse um folhetim popular.

publicidade

‘’Eu sempre quis contar essa história, sempre quis que a verdade do processo aparecesse, que essa história fosse contada da forma que aconteceu, e não que permanecesse contada como uma novela barata, um folhetim barato, que é como ela ficou na memória das pessoas’’, desabafou.

Com cinco episódios, a série vai ter a direção de Tatiana Issa e Guto Barra, que estavam muito próximos da história na época.

Daniela Perez e Gloria Perez (Reprodução/Twitter)

Trinta anos depois, eles acreditaram que já era a hora do caso ser mostrado de uma outra forma ao público e conversaram com a autora sobre a possibilidade, que só concordou com o projeto, se caso ele fosse baseado nos autos do processo.

História vai ser contada através de um documentário

publicidade

A proposta do roteiro, é mostrar tudo que precedeu o crime contra a atriz, revelando depoimentos importantes, como o do promotor Piñero Filho, além dos jornalistas que entrevistaram os assassinos quando tudo foi descoberto.

Vários atores e profissionais que conviveram com Daniela, também estiveram presentes na produção. Entre eles, Claudia Raia, Fábio Assunção, Maurício Mattar, Cristiana Oliveira e Eri Johnson. Além do ator Raul Gazolla, viúvo da jovem.

publicidade

De volta aos anos 90, eles retomaram todos os detalhes que antecederam a morte, que aconteceu no dia 28 de dezembro de 1992, até o julgamento dos réus Guilherme de Pádua e Paula Thomaz.

O assassinato, teria acontecido por que Guilherme, que viveu um par romântico com Daniela na trama, não teria aceitado que seu personagem tivesse cenas reduzidas na novela.

Ela estava indo para casa quando foi abordada pelo ator em seu carro, junto dele, estava Paula Thomaz, sua esposa na época.

publicidade

Depois de dar um soco para que ela desmaiasse, a dupla levou o corpo até um matagal no Rio de Janeiro, e cometeram o assassinato apunhalando a atriz com 18 facadas no peito.

Para não levantar suspeitas, depois do crime ele chegou a ir ao funeral da vítima e prestar solidariedade aos familiares.

Pacto Brutal: O Assassinato de Daniella Perez, já está disponível na HBO Max.

publicidade
Raul Gazolla em Pacto Brutal (Divulgação/ HBO Max)

 

 

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›