Ben Affleck revela qual é seu superpoder

publicidade

Ben Affleck interpretou o Demolidor, e em breve voltará como Batman. Enquanto o Demolidor tem uma audição aguçada e o Batman tem dinheiro, Affleck também tem seu próprio superpoder.

O superpoder de Affleck é uma habilidade bem humana. Ele revelou isso durante uma entrevista para o The Boston Globe, em que disse:

publicidade

“Meu maior superpoder é ser humilde o suficiente para saber que existem pessoas ao redor que sabem mais do que eu e ser inteligente o suficiente para saber quem elas são e prestar atenção nelas. Ser ator é a melhor escola de cinema que você pode ir se você preste atenção. Como o [diretor de Garota Exemplar] David Fincher, que eu considero um dos melhores diretores vivos. Ele tem o gosto de um artista e a mente de um engenheiro. Eu vou passar por qualquer que seja o seu processo, se achar que isso é necessário para um bom filme. Farei um milhão de tomadas. Tanto faz.”

David Fincher é conhecido por irritar os atores com quem trabalha justamente pela mania de fazer diversas tomadas de cenas. Ele chega a gastar um dia inteiro de trabalho em apenas uma única cena repetida à exaustão pelos atores.

“George [Clooney] não é apenas um ator talentoso, ele também é extremamente inteligente sobre o que vai ressoar com o público. Ele me dizia: ‘No final desta cena, se você rir, vai funcionar muito melhor’. Notas simples. São o melhor tipo de nota”, continuou Affleck.

Considerando seu trabalho de décadas como estrela de Hollywood, alguns podem se surpreender ao descobrir que o ator veterano tem uma visão tão humilde.

publicidade

Affleck foi aclamado pela crítica por suas proezas de atuação, roteiro e direção. Filmes como Gênio Indomável, estrelado também por Matt Damon e Robin Williams, e o thriller de espionagem Argo são excelentes exemplos de seu talento.

Forçado a ficar sexy

Ben Affleck em Armageddon (Reprodução)
Ben Affleck em Armageddon (Reprodução)
publicidade

Em uma outra entrevista para a EW, Ben Affleck relembrou o seu tempo no filme Armageddon, de 1998, dirigido por Michael Bay. Affleck lembrou de como forçaram ele a ficar sexy.

“Eles me fizeram consertar meus dentes, malhar e ser sexy. Seja sexy, como faço isso? ‘Vá para a academia!’ Correndo na academia e colocando óleo no meu corpo e outras coisas, e acabou sendo uma versão longa de um daqueles calendários masculinos de topless, em uma garagem, carregando um pneu, meio que lubrificado. Michael teve uma visão de um torso masculino brilhante no óleo, e ele ficou tipo, ‘Isso vai entrar no trailer e vender ingressos!’ E você sabe, o que você pode dizer? Poderíamos ter feito, eu acho, 400 Procura-Se Amy para o que fizemos para Armageddon“.

O trabalho mais recente de Ben Affleck é The Tender Bar, um filme que adapta o livro de memórias com o mesmo nome de J. R. Moehringer, e narra a vida de Moehringer enquanto crescia em Long Island.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›