Paramount faz queda de braço com Tom Cruise por causa de Top Gun 2 no streaming

Ator está feliz com lucros dos cinemas e detém o controle total sobre decisões da franquia

publicidade

O destino de Top Gun: Maverick nas plataformas de streaming depende única e exclusivamente dos desejos de Tom Cruise, afirma Matthew Belloni.

O jornalista, que é uma fonte conhecida e fidedigna de assuntos de Hollywood, afirmou em seu podcast The Town with Matthew Belloni que o ator e os estúdios que produziram o filme podem entrar em desacordo a respeito do lançamento do filme home vídeo.

publicidade

Atualmente, o filme ainda está em cartaz nos cinemas, tendo estreado há cerca de um mês, e segundo Matthew, a Paramount quer estrear o filme no streaming para garantir um pouco de lucro com as pessoas que estão esperando para conferir a produção do conforto de seus sofás.

A janela inicial para lançamento em streaming é de dois meses e, embora os estúdios queiram reduzir o prazo, a decisão final vai depender do ator, revelou:

“A última coisa que eu fiquei sabendo da Paramount era que a janela de lançamento era de 120 dias, mas eles querem abordar o Tom Cruise e negociar uma janela menor para poder pegar um pouco de lucros através do home vídeo, seja em serviços premium ou por demanda, ou mesmo em um streaming como o Paramount+, que ainda não foi decidido.”

O empecilho para tal acordo, segundo o insider, seria de que os ingressos no cinema ainda estão vendendo bem e que Tom acredita que as pessoas ainda gostam de conferir novos lançamentos nas telonas. Com isso, Matthew afirmou que acredita que a Paramount vai ter trabalho para convencer o ator a mudar de ideia:

publicidade

Eu sei que a Paramount está bem afim de pegar esse filme e soltar ele no streaming logo. Mas se ele continuar rendendo nos cinemas como está, não tem nenhum incentivo de parte do Tom para concordar com a proposta além de dinheiro, e ele é uma daquelas pessoas que ainda acredita no ecossistema do cinema e ele que tem controle total sobre esse filme.”

Filme pode ter nova continuação ‘em 35 anos’

Cena de Top Gun: Maverick (Reprodução/Youtube)
publicidade

Top Gun: Maverick é um dos maiores sucessos da Paramount no momento, e seria tolice da parte da companhia não considerar mais um filme da franquia, uma vez que o filme está enchendo os cofrinhos dos estúdios.

Apesar disso, a ideia não é algo que deve acontecer em breve. O presidente da Paramount Pictures afirmou em entrevista com a revista Variety que nenhuma decisão foi tomada por enquanto, e que talvez em 35 anos (tempo que levou para o segundo filme ser produzido), pode ser que um terceiro filme seja lançado:

“Vamos ver onde estaremos daqui a 35 anos. Eu não quero especular. Esta é uma jornada incrível. O céu é o limite para este filme.”

publicidade

Top Gun: Maverick está em cartaz nos cinemas de todo o Brasil.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›