Atores da Globo são escolhidos para selecionar filme para o Oscar

Comissão é formada por grandes nomes do cinema e da dramaturgia nacional

publicidade

Na última quinta-feira (21), a Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais informou que organizou uma Comissão de Seleção que ficará responsável por decidir qual será o filme brasileiro a concorrer por uma vaga na categoria de Melhor Filme Internacional na cerimônia do Oscar 2023.

A data prevista para a escolha do filme pela Comissão é 9 de setembro de 2022.

publicidade

A referida Comissão é formada por 25 membros titulares. Desse grupo, 4 membros foram indicados pela própria diretoria da Academia: Cavi Borges, José Geraldo Couto, Petra Costa e Renata Almeida, sendo todos profissionais que atuam no mercado cinematográfico do Brasil, mas não estão associados à Academia.

Os demais membros foram eleitos por votação entre os sócios da Academia. Os 21 membros eleitos estão citados abaixo. Dentre eles, estão artistas conhecidos nacionalmente, como a atriz Patrícia Pillar e o diretor André Pellenz.

Patrícia Pillar é famosa por suas atuações nas novelas da TV Globo, mas também atuou em O Quatrilho, do diretor Fábio Barreto, que foi indicado ao Oscar na categoria mencionada no início do texto.

Ela ainda atuou em Zuzu Angel (2006) e ainda dirigiu o documentário Waldick, Sempre no Meu Coração (2008).

publicidade

Já o diretor André Pellenz é o responsável pelo sucesso Minha Mãe É Uma Peça (2013), ao lado do ator Paulo Gustavo, que foi a maior bilheteria do cinema brasileiro naquele ano.

Além disso, ele é criador, roteirista e showrunner da série Prata da Casa, na Fox, e dirigiu as quatro temporadas da série 220 Volts, também estrelada por Paulo Gustavo.

publicidade

Veja abaixo a lista completa dos membros:

Aly Muritiba, André Pellenz, Ariadne Mazzetti, Barbara Cariry, Cavi Borges, Cibele Amaral, David França Mendes, Eduardo Ades, Guilherme Fuiza Zenha, Hsu Chein, Irina Neves, Jeferson De, João Daniel Tikhomiroff, João Federici, José Geraldo Couto, Juliana Sakae, Marcelo Serrado, Márcio Alcaro Fraccaroli, Maria Ceila de Paula, Patrícia Pillar, Petra Costa, Renata Almeida, Talize Sayegh, Waldemar Dalenogare Neto e Zelito Viana.

Selton Mello em Sessão de Terapia (Reprodução)

Selton Mello foi indicado à Academia do Oscar

publicidade

Juntamente com outros brasileiros, Selton Mello agora faz parte da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood.

No grupo também estão outros nomes como Bruno Barreto, Jeferson De e Emilio Domingos, que é o diretor responsável por Favela É Moda, lançado no ano de 2019.

Além deles, estão também a produtora Sara Silveira, a executiva Ilda Santiago e o engenheiro de som Waldir Xavier.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›