Amy Winehouse ganhará cinebiografia por diretora de 50 Tons de Cinza

Filme foi anunciado, mas as gravações ainda não iniciaram.

publicidade

A cantora Amy Winehouse ganhará uma cinebiografia dirigida por Sam Taylor-Johnson, a mesma diretora de Cinquenta Tons de Cinza, com roteiro de Matt Greenhalgh (O Garoto de Liverpool).

De acordo com o portal Deadline, o enredo mostrará a vida de Amy e seu envolvimento com a música.

publicidade

Tudo começou a acontecer para Amy ainda em Londres, quando ela era apenas uma artista de jazz no Reino Unido até se tornar uma estrela do Blues, dona de hits como Rehab e Back to Black.

A estrela morreu aos 27 anos em 2011.

O projeto cinematográfico está sendo desenvolvido pelo Studiocanal, tendo Alison Owen, Debra Hayward e Tracey Seaward como produtoras.

A equipe conta com o apoio total do espólio de Winehouse para levar sua história às telonas.

publicidade

Até o momento, ainda não foi selecionada a atriz que interpretará a cantora, mas acredita-se que a diretora deverá fazer isso nas próximas semanas.

O filme ainda não tem data definida.

Pai de Amy é contra o filme

publicidade

O pai da cantora, Mitch Winehouse não ficou contente ao saber do novo projeto do filme da filha.

“Eles não podem ser tão estúpidos. Todos sabem que as licenças adequadas devem ser concedidas”, disse o pai de Amy.

Amy em sua carreira vendeu mais de 4 milhões de discos, e, após sua morte, mais de 2,4 milhões foram vendidos.

Ator de Matrix pediu desculpas por piada com cadáver de Amy Winehouse

publicidade

O ator Neil Patrick Harris, estrela de Matrix: Resurrections, pediu desculpas pela piada de Halloween que fez com a cantora Amy Winehouse.

Isso porque ele e seu marido, David Burtka, fizeram uma festa de Halloween em 2011 cujo buffet de carne veio no formato de um cadáver que foi identificado com o nome de Amy, que havia falecido há apenas 3 meses.

A foto voltou a circular na internet recentemente, o que levou o ator a se pronunciar, se desculpando.

publicidade

‎“Uma foto recentemente reapareceu de uma festa temática de Halloween que meu marido e eu organizamos há 11 anos. Foi lamentável naquela época e continua sendo lamentável agora. Amy Winehouse era um talento de uma geração, e sinto muito por qualquer mágoa que essa imagem tenha causado.”, escreveu ele.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›