Pedro Pascal tentou fazer Gina Carano parar de usar a web para ser ultraconservadora

Cena de The Mandalorian (Reprodução / LucasFilm)
Cena de The Mandalorian (Reprodução / LucasFilm)

A semana passada foi a gota d’água para a LucasFilm quando se tratou da contínua polêmica online em torno de Gina Carano.

O estúdio classificou as publicações de Carano como “abomináveis ​​e inaceitáveis” e em um comunicado confirmou que eles haviam cortado relações com a atriz de efeito imediato.

A situação vem crescendo há meses, com Carano claramente recebendo todas as oportunidades de diminuir o tom de sua atividade nas redes sociais, mas se recusando a fazê-lo.

E parece que seu ex-colega de elenco Pedro Pascal estava entre aqueles que tentaram fazê-la ver a razão. A informação veio através do site We Got This Covered.

Segundo o site, Daniel Richtman compartilhou em sua página do Patreon que o astro de The Mandalorian estava em contato com Carano antes de sua demissão e “tentou muito” fazer com que ela “mudasse de comportamento” para que pudesse manter seu emprego.

De acordo com Richtman, porém, “ela não queria ouvir”.

Embora seja apenas um boato neste estágio, esse tipo de comportamento definitivamente se alinha com o que se sabe sobre Pascal, que é amado online por sua personalidade bem-humorada.

Embora a política dos dois atores seja oposta (Carano foi criticada por zombar de pessoas trans, enquanto Pascal apoia enormemente sua irmã trans) o intérprete de Din Djarin parecia permanecer leal a amiga durante tudo isso, chegando até a elogiá-la em algumas postagens nas redes sociais.

Com isso, faz sentido que ele tentasse ajudá-la a salvar seu emprego, além de mostrar que o ator deve ter gostado de trabalhar com ela.

Gina Carano ficou zelosa em compartilhar suas opiniões nas redes sociais ao longo do tempo, mas ela não desistirá tão cedo de compartilhar o que pensa, apesar do impacto que teve em sua carreira e imagem pública.

Os agentes de Carano também a abandonaram após sua demissão em Star Wars. Logo depois ela fez uma parceria com o site de direita Daily Wire para fazer um filme para eles.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›