Estrelismo de Tobey Maguire dificulta participação em Homem-Aranha 3

Tobey Maguire, Andrew Garfield e Tom Holland (Reprodução)

No início desta semana, foi divulgado que Tobey Maguire estaria dificultando as negociações com a Sony e Marvel para retornar como Peter Parker em Homem-Aranha 3.

Famoso em Hollywood por seu temperamento explosivo, o ator estaria exibindo um comportamento de “grandes astros” e exigindo um aumento no tempo de participação no longa, além de um salário milionário, que seria mais do que os US$ 15 milhões iniciais.

Segundo o jornalista Daniel Richtman, os estúdios decidiram acatar todos as solicitações de Tobey para assegurar seu retorno na sequência, tendo em vista a importância do ator para o projeto.

O astro de 46 anos ainda não foi confirmado no elenco, mas um anúncio definitivo deverá ser divulgado em breve.

Tobey Maguire, Andrew Garfield e Tom Holland (Reprodução)

Homem-Aranha 3

O terceiro filme de Tom Holland como personagem título vêm sendo filmado e chega aos cinemas em 16 de dezembro de 2021.

Segundo fortes rumores, o longa introduzirá o multiverso aos filmes da Marvel trazendo os Aranhas das outras franquias, vividos por Tobey Maguire e Andrew Garfield.

Rumores apontam que a sequência de Homem Aranha: Longe de Casa (2019), contará com 9 vilões, com todos os arqui-inimigos dos filmes do Aranha marcando presença.

Além de Jamie Foxx (Electro) e Alfred Molina (Dr.Octopus) já confirmados, o site We Got This Covered indica a presença de dois Duendes Verdes, de Willem Dafoe e Dane DeHaan, e do Homem-Areia, vivido por Thomas Haden Church.

O Escorpião de Michael Mando, que apareceu na cena pós-crédito de Homem-Aranha: De Volta ao Lar (2016) está em negociações, junto com Michael Keaton (Abutre) e Jake Gyllenhaal (Mysterio). O Venom de Tom Hardy também é uma grande possibilidade.

No final do ano passado, o presidente do Marvel Studios, Kevin Feige, afirmou que a terceira aventura do Aranha estará ligada diretamente com WandaVision e Doutor Estranho no Multiverso da Loucura, o que reforça ainda mais a teoria que o multiverso do cabeça-de-teia será visto nos cinemas.

Formado em Criação e Produção Audiovisual pelo CBM (Centro Universitário Barão de Mauá). Frequentador assíduo das salas de cinemas, é também colecionador há anos de filmes em DVD e Bluray. Atuou como produtor e editor do SBT e na redação de blogs e sites em geral. Atualmente, trabalha como redator do E-Pipoca.


SIGA-NOS E VEJA MAIS