DC FanDome: Tom Welling e Michael Rosenbaum comemoram 20 anos de Smallville

publicidade

A DC aproveitou a coincidência da transmissão de seu evento virtual DC FanDome acontecer no exato dia em que a série Smallville comemora 20 anos de seu lançamento, para celebrar a data durante a convenção neste sábado, 16 de outubro.

O aniversário do programa foi comemorado com uma entrevista exclusiva dos grandes astros de Smallville, Tom Welling e Michael Rosenbaum, que conversaram com a atriz e apresentadora Tiffany Smith.

Os intérpretes de Clark Kent e Lex Luthor iniciaram a conversa falando sobre como com a série eles alcançaram o auge de suas carreiras, já que nenhum dos dois tinham trabalhado em nenhuma produção de grande destaque anteriormente.

Eles então passaram a falar sobre a parceria que acabaram formando, ao trabalharem lado a lado por tanto tempo, de alguns momentos engraçados entre os dois e com o restante do elenco e sobre tudo que viveram nos 10 anos de programa.

A dupla ainda falou sobre a vontade de que a série tivesse mostrado uma cena de Clark e Bruce Wayne em sua imensa mansão e de como o programa acabou dando o start para outras séries de super-heróis que vieram depois.

Lex Luthor (Michael Rosenbaum) e Clark (Tom Welling) em Smallville (Reprodução)
Lex Luthor (Michael Rosenbaum) e Clark (Tom Welling) em Smallville (Reprodução)
publicidade

Durante a entrevista foram transmitidos vídeos de Michael Cassidy, Jessica Parker Kennedy, James Marsters, John Glover, Justin Hartley, Cassidy Freeman, Laura Vandervoort e Sam Witwer comemorando os 20 anos de Smallville e falavam rapidamente do quanto atuar na série foi importante para eles.

Para encerrar a entrevista a intérprete de Lana Lang na série, Kristin Kreuk, que não pode participar da entrevista pessoalmente, mandou uma mensagem.

“Nós trabalhamos neste programa há 12 anos. E vocês dois, e todos foram uma grande parte dos meus primeiros anos adultos. Quando saiu, foi logo após o 11 de Setembro, era uma época em que as pessoas procuravam por heróis. Em outro nível, era uma história, e é uma história, e eu acho que é por isso que dura. É uma história sobre crescer e como você se sente alienado. E essa é uma experiência universal. O Clark Kent foi isso, certo? Se tornou uma força e nos inpirou controle, que na verdade são coisas importantes. Tenho certeza de que sempre vou sentir falta, Parabéns pelos 20 anos!”, ela disse.

Veja a entrevista completa:

publicidade

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›