Criadora de I May Destroy You se torna primeira mulher negra a ganhar Emmy por Roteiro de Minissérie

publicidade

A atriz londrina Michaela Coel se eterniza com um novo marco na cerimônia do Emmy,  que aconteceu na noite deste domingo (20), se tornando a primeira mulher negra da história a vencer um Emmy na categoria de Melhor Roteiro de Minissérie, por seu trabalho em I May Destroy You.

A artista de 33 anos também é conhecida na indústria cinematográfica por seu papel como a protagonista da série Chewing Gum (com a qual ganhou um BAFTA como Melhor Performance Feminina de Comédia), e por sua participação em alguns episódios de Black Mirror, ambas da Netflix.

publicidade

(Alerta de gatilho: violência sexual)

Michaela leva o troféu para casa por seu roteiro da minissérie I May Destroy You, que a atriz criou, escreveu, codirigiu e produziu como Produtora Executiva.

O show conta a história de uma escritora que precisa reconstruir sua vida após ter sido estuprada, história que a artista conta que é baseada em suas próprias experiências como sobrevivente de um ataque sexual.

Atriz dedica prêmio a sobreviventes de violência sexual

Arabella (Michaela Coel em I May Destroy You (Divulgação)
Arabella (Michaela Coel em I May Destroy You (Divulgação)
publicidade

Coel dedicou seu prêmio para todas as pessoas que já foram vítimas de ataques sexuais. Em um discurso inspirador, ela fala:

“Eu só escrevi uma coisinha, para escritores, realmente. Escrevam uma história que assusta você, que te faz se sentir com dúvida, que é desconfortável. Eu te desafio. Em um mundo que te enfeitiça a ficar acompanhando as vidas dos outros pra ajudar a gente a determinar como nos sentimos sobre nós mesmos, e por sua vez sentir que precisamos estar constantemente visíveis, porque visibilidade estes dias parece que é a mesma coisa que sucesso. Não tenha medo de desaparecer, disso, de nós, por um tempo e ver o que vem de você no silêncio. Obrigado Kate, Amy, e vários artistas pelos dois dos melhores anos da minha vida. Eu dedico esta história a cada sobrevivente de abuso sexual.”

publicidade

Confira a lista completa de vencedores abaixo:

  • Hannah Waddingham (Ted Lasso), Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Comédia
  • Brett Goldstein (Ted Lasso), Melhor Ator Coadjuvante em Série de Comédia
  • Julianne Nicholson (Mare of Easttown), Melhor Atriz Coadjuvante em Minissérie
  • Evan Peters (Mare of Easttown), Melhor Ator Coadjuvante em Minissérie
  • Peter Morgan (The Crown), Melhor Roteiro em Série de Drama
  • Jessica Hobbs (The Crown), Melhor Direção em Série de Drama
  • Gillian Anderson (The Crown), Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Drama
  • Tobias Menzies (The Crown), Melhor Ator Coadjuvante em Série de Drama
  • Last Week Tonight with John Oliver, Melhor Roteiro em Série de Variedades
  • Last Week Tonight with John Oliver, Melhor Série de Entrevista de Variedades
  • Saturday Night Live, Melhor Show de Sketches em Variedades
  • Hacks, Melhor Roteiro em Série de Comédia
  • Hacks, Melhor Direção em Série de Comédia
  • Jason Sudeikis (Ted Lasso), Melhor Ator Principal em Série de Comédia
  • Jean Smart (Hacks, Melhor Atriz Principal em Série de Comédia
  • RuPaul’s Drag Race, Melhor Programa Competitivo
  • Debbie Allen, Governors Award
  • O Gambito da Rainha, Melhor Direção em Minissérie
  • Michaela Coel (I May Destroy You), Melhor Roteiro em Minissérie

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›