CEO da AT&T critica o aumento de preço de streamings e prevê ganhos na HBO Max

publicidade

O CEO da AT&T, John Stankey, disse aos investidores que espera que a HBO Max recupere todos os assinantes perdidos no passado depois que a WarnerMedia retirou a HBO do mercado da Amazon Prime Video Channels em setembro, em meio à agitação contínua na indústria de TV sobre as taxas que a Amazon cobra para facilitar as vendas de assinaturas.

De acordo com a Variety, durante a teleconferência de lucros do quarto trimestre da AT&T com investidores nesta quarta-feira (26), Stankey também observou que as condições do mercado estimularam os aumentos de preços dos rivais da HBO Max, o que significa que a HBO Max não é o mais caro dos principais serviços de streamings no momento. Stankey não mencionou a Netflix pelo nome, mas a inferência foi clara.

publicidade

“Sentimos que era a decisão certa. Acho que será ainda mais a decisão certa em um ambiente pós-Discovery, pois a oferta só fica mais forte no mercado e no conteúdo disponível. No final das contas, você quer controle total de seus clientes e estou confiante com a força da oferta que estará no mercado, todos esses clientes voltarão à oferta. Pode demorar alguns trimestres para que isso aconteça. Mas eventualmente haverá um produto por aí que eles vão olhar e dizer que querem fazer parte”.

“É melhor ter (clientes) lá onde você tem controle de acesso direto deles para comercializar para eles, saber o que eles estão fazendo do que ter isso em alguma caixa preta onde você absolutamente não tem ideia do que outra pessoa está fazendo agregando seus conteúdo e sua exposição ao cliente. E eu gostaria de ressaltar isso novamente, é isso que é nossa base de clientes. Existem muitas entidades por aí crescendo, entre aspas, clientes diretos ao consumidor que estão por trás da tela do mercado da Amazon que realmente são clientes diretos ao consumidor da Amazon, eles não são clientes diretos ao consumidor da empresa de mídia”.

“A parte boa disso é que dissemos que isso aconteceria e aconteceu, dissemos que o mercado viria até nós sobre preços e eis que não somos mais a oferta de alto preço no mercado. A parte boa disso é que achamos que isso nos permitirá ter crescimento doméstico à medida que avançamos, mas a base está em um lugar realmente muito bom como resultado disso. Não temos as dificuldades de que talvez alguns outros produtos que chegaram a preços muito baixos tenham que tentar subir esse continuum de ARPU”.

“Esperamos que o crescimento doméstico seja mais reprimido do que o crescimento internacional à medida que avançamos. Estamos em uma ótima posição. Estamos sentados em uma grande base doméstica com um ARPU muito alto”.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›