Atriz elogia maneira que Lana Wachowski dirigiu Matrix 4

Jessica Henwick, umas das novas adições ao elenco da franquia Matrix, contou mais sobre as técnicas da diretora Lana Wachowski para o filme Matrix Resurrections.

Henwick esta neste novo filme como Bugs, mas mais detalhes da personagem não foram revelados. Em uma entrevista recente ao Collider, a atriz falou sobre sua experiência em Matrix 4, e disse que Wachowski fez uma tomada de um cena de ação que tomou 20 minutos além da frequente cobertura 360.

“Ela é muito criativa e tem uma visão muito, muito forte. Ela não funciona como nenhum dos diretores com quem trabalhei. Ela adora filmagens de execução, por isso costumamos passar 20 minutos sem um único corte. E ela não faz a coisa normal, que é: ‘Ok, vamos nos preparar para filmar o lado A, e filmaremos o amplo, o médio, o close e então todos podemos mover as luzes, para que possamos filmar Lado B’. Todos tinham que estar cientes de que era 360, o tempo todo. Ela ficava ao lado do operador e filmava. Keanu está falando e ela está filmando. Ela está segurando a câmera, dando um zoom nele e então ela apenas se viraria e, de repente, a câmera estaria em você, mesmo que você estivesse do outro lado da linha. É assim que ela filma. É muito como ela se sente, no momento. É muito instintivo para ela. É fascinante de assistir. Nunca trabalhei com um diretor que se apegava tanto a um instinto”.

Matrix está longe de ser a primeira grande franquia de Henwick, que já apareceu em projetos como Game of Thrones e Star Wars: O Despertar da Força. Portanto, o fato de ela falar tão bem de como Wachowski escolheu filmar Matrix Resurrections diz muito sobre o estilo único da diretora.

Comentários anteriores

Neil Patrick Harris como O Analista em Matrix Resurrections (Reprodução / Warner Bros.)
Neil Patrick Harris como O Analista em Matrix Resurrections (Reprodução / Warner Bros.)

Outro recém-chegado à franquia, Neil Patrick Harris, disse anteriormente para a Variety que a produção de Matrix 4 não parecia um blockbuster, e que tudo se resume a como Wachowski abordou a aventura de ficção científica.

“Não parecia grande porque parecia que ela estava em seu ponto ideal, que estava filmando em tempo real, filmando com luz natural. Às vezes, você ficava sentado por uma hora esperando as nuvens se dissiparem e, então, filmava rapidamente. Você filmou páginas de cada vez em 30 minutos e pronto. Você pensaria que um filme gigante seria 100% storyboarding, animatics, e estaríamos checando as tomadas. Acho que ela viveu isso três vezes, e eu suspeito que agora ela quer fazer as coisas do seu jeito. Não era sempre que você sentia que estava fazendo algo gigantesco porque ela tornava tudo muito íntimo”.

Matrix Resurrection estreia no dia 22 de dezembro.

Veja mais ›