Vestido usado por Judy Garland em O Mágico de Oz é redescoberto após 50 anos

publicidade

Após meio século desaparecido, um vestido usado pela atriz Judy Garland durante as filmagens de O Mágico de Oz, clássico de 1939, foi encontrado em uma caixa de sapatos. O acontecimento veio à tona por meio de uma postagem no Instagram da Catholic University of America, instituição acadêmica americana para a qual a peça foi doada em 1972.

Os responsáveis pela universidade compartilharam uma sequência de fotos mostrando o estado atual do vestido, ainda bastante conservado. Uma terceira imagem ilustra a atriz Mercedes McCambridge entregando a peça ao reverendo Gilbert Hartke, então diretor da instituição.

publicidade

Na legenda, a descoberta do figurino foi narrada em detalhes.

“Por muitos anos, houve rumores de que o vestido ainda estava localizado em Hartke, o prédio que leva o nome do padre, mas ninguém sabia exatamente onde. Enquanto se preparava para algumas reformas no mês passado, Matt Ripa, palestrante e coordenador de operações, redescobriu o vestido de Dorothy”, escreveram eles.

“Eu olhei nos nossos arquivos, em armários no nosso galpão e não havia nenhum sinal, achava que era uma lenda”, contou Ripa.

Só então, o funcionário se deparou com um objeto ainda não explorado sob armário de correspondências da universidade.

publicidade

“Eu fiquei curioso para ver o que tinha dentro. Abri a caixa e dentro dela tinha uma caixa de sapato na qual estava o vestido. Não acreditei. Desnecessário dizer que encontrei muitas coisas interessantes por aqui ao longo dos anos, mas essa foi a cereja do bolo”.

Elenco principal reunido no filme de Victor Fleming (Reprodução)
publicidade

Em seguida, o vestido foi enviado para o museu Smithsonian, especializado em cinema, onde Ryan Lintelman confirmou sua autenticidade. De acordo com seu relato ao site da Catholic University, ele teve certeza de que se tratava de um figurino clássico graças a permanência de alguns detalhes.

“Todos os vestidos [do filme] têm certas características verificáveis: um ‘bolso secreto’ no lado direito da saia para o lenço de Dorothy e ‘Judy Garland’ escrito à mão em uma caligrafia específica da pessoa que etiquetou todos os vestidos”, explicou o profissional.

Diante da descoberta, os assessores da universidade planejam expor o vestido nos arquivos para acesso do público.

publicidade

“Ele agora pode ser preservado em armazenamento adequado em um ambiente com temperatura controlada de modo que, esperançosamente, por muitos anos mais, possa servir como fonte de ‘esperança, força e coragem’ para os estudantes da Universidade Católica”, declarou a instituição em sua página.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›