Saiba qual foi o único pedido que o criador dos quadrinhos de The Boys fez para o showrunner da série

Billy Bruto (Karl Urban) em The Boys (Reprodução / Amazon)
Billy Bruto (Karl Urban) em The Boys (Reprodução / Amazon)

Falando em uma nova entrevista, o showrunner e produtor executivo de The Boys, Eric Kripke, revelou que há um aspecto-chave de The Boys que Garth Ennis, criador dos quadrinhos ao qual a série se baseia implorou que fosse feito.

Kripke contou que trabalhar com Garth e sua equipe criativa foi ótimo, e revelou as discussões que eles tiveram quando surgiu a ideia de levar a série para a TV.

Kripke disse o seguinte para o Consequence of Sound (via Comic Book):

“No começo, ele estava realmente disponível para discutir o show. Eu estava realmente interessado em suas inspirações totais, os filmes e programas de TV que o inspiraram a escrever a coisa, e ele foi ótimo em compartilhar tudo isso”, começou.

“Então, a certa altura, me aproximei dele e disse: ‘É um meio diferente. Vai ter que ser diferente’. E ele sabia, porque tinha passado por Preacher, então eu disse: ‘Diga-me o que é importante para você’. Tive a mesma conversa com Darick Robertson, o ilustrador e co-criador, e Garth disse, ‘Apenas faça Bruto dar certo’”.

Kripke continuou:

“Então, eu realmente tentei fazer isso. Envio a ele todos os roteiros até hoje. Até enviei a ele o episódio três da terceira temporada ontem porque, até hoje, ele quer pesar no diálogo do Bruto”.

“E estou feliz por ele fazer isso porque ele conhece os diálogos de Bruto melhor do que eu e conhece as gírias britânicas muito melhor do que eu, por isso estou feliz por ter sugestões de argumentos dele”.

“Diz que Bruto é seu personagem favorito que ele criou, então ele é muito protetor com ele. Mas ele é bastante aberto para o resto. Ele entende. Ele entende que é um meio inerentemente diferente”.

Saiba mais

Karl Urban dá vida para Billy Bruto na série, em uma entrevista anterior para o CinemaBlend o ator sobre por que adora interpretar personagens como ele.

“O divertido de Bruto é que ele simplesmente ousa fazer e dizer coisas que não podemos fazer na vida real, e esses são sempre os personagens divertidos de interpretar”.

“Adoro sua natureza maquiavélica. Adoro quando recebo o oportunidade de convencer outros personagens a seguirem algum esquema estúpido. E eu adoro o fato de que ele tem esse monstro, esse demônio que está dentro dele. E de certa forma, quando penso nisso, ele é como um super-herói inverso”.

Formado em administração e psicologia. Fez curso de desenho com especialização em cartoons. Adora videogame, animações e filmes e séries de super heróis e monstros.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›