Power Rangers: Morfagem Feroz – Atores falam sobre os sentimentos de terminar a série

Cena de Power Rangers: Morfagem Feroz (Reprodução)
Cena de Power Rangers: Morfagem Feroz (Reprodução)

Com Power Rangers: Morfagem Feroz (Power Rangers: Beast Morphers) chegando ao fim, o site Comic Book fez uma entrevista exclusiva com os quatro atores principais da série.

Rorrie D Travis (Devon), Jasmeet Baduwalia (Ravi), Jacqueline Scislowski (Zoey) e Abraham Rodriguez (Nate) falaram sobre com estão se sentindo com a série chegando ao fim.

“Bem, o que foi estranho é que não fizemos isso, filmamos o final entre três episódios, então acho que filmamos a cena final… Não acho que filmamos isso no último dia de filmagem. Foi tão estranho porque tínhamos a festa de encerramento e ainda tínhamos que ir trabalhar no dia seguinte, então as emoções eram tão confusas“, disse Scislowski.

Foi muito estranho“, acrescentou Baduwalia.

“Mas acho que durante a leitura de mesa, ficamos muito emocionados quando a lemos, porque foi a última leitura de mesa”, continuou a Ranger Amarela. “E, claro, tudo o que acontece com Nate e Steel, quer dizer, era como a família, está chegando ao fim. Foi triste”.

“Acho que nosso dia mais emocionante foi aquele último dia na segunda unidade, lembra Jacque? Estávamos chorando. Estávamos segurando nossos capacetes pela última vez e quando saímos de lá fora“, começou Rodriguez.

Ele acrescentou: “Porque quando filmamos o final episódio, ainda tínhamos uma semana inteira de refilmagens, pickups e mais filmagens, então realmente não parecia que era o fim.

“E como Jacque estava dizendo, foi entre as filmagens de três outros episódios. Então, não foi necessariamente emocionante, porque sabíamos que ainda tínhamos mais filmagens pela frente. Mas naquele último dia, naquela filmagem, eu apenas lembre-se de nós indo embora na van e acenando para todos“, finalizou.

Bem, agora, você chorou em seu discurso, Jacque. Em seu discurso, nossa última gravação”, lembrou Travis.

“Oh meu Deus. Sim, fizemos discursos, todos nós. Quando fizemos nossas cenas finais, todos nós fizemos discursos, e eu, o dia todo, fiquei tipo. (…) E eu me levanto para fazer meu discurso, e não estou brincando, todo mundo achou que eu estava brincando, e agindo e fingindo, mas eu literalmente pensei, ‘Junte-se, junte-se’. E então tipo, ‘Waaa'”, contou Scislowski.

Formado em administração e psicologia. Fez curso de desenho com especialização em cartoons. Adora videogame, animações e filmes e séries de super heróis e monstros.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›