Outlander: Por que Brianna e seu filho não puderam viajar para o futuro na quinta temporada?

Outlander
Outlander (Reprodução)

Os fãs que acompanharam a quinta temporada de Outlander ficaram esperando para ver Roger, Brianna e seu filho conseguirem regressar ao futuro, já que agora se descobriu que o menino pode viajar pelas pedras.

Isso, infelizmente, não aconteceu. Mas qual foi o motivo?

No décimo segundo episódio, Brianna e Roger procuram as pedras nos Estados Unidos para retornar, justo enquanto Fraser Ridge é atacada.

Eles se despediram de Ian (John Bell), que os acompanhou até o local e quando os dois tocam as pedras, eles desaparecem por um momento para logo serem vistos de novo reaparecendo no mesmo local, na mesma época, justo onde Ian continuava sentado.

A pergunta é: Por que eles não puderam voltar para o futuro?

Aparentemente, a explicação se dá pelo fato de que quando alguém estava pensando em ir para casa, as pedras realizaram o desejo dessa pessoa, mas é provável que um deles já havia se acostumado tanto com Fraser Ridge que a considerava um lar, por isso, não puderam viajar.

Outra possível razão poderia ser que, como Claire estava em perigo, eles não poderiam abandoná-la, já que deveriam cumprir um papel nessa história que ainda não havia sido contada e, por essa razão, não era hora de voltar até que fizessem sua parte.

Isso leva o público a mais outro questionamento: eles terão mais um papel importante a cumprir na próxima temporada?

Segundo Gabaldon e os atores da série, eles vão se preparar para participar da Revolução dos Estados Unidos, isso significa que todos os personagens ainda têm um papel a cumprir na história, para poderem voltar ao futuro.

Com isso, chegamos a outro questionamento: será possível voltar ao futuro?

Outlander ainda não tem uma data prevista para retornar com sua sexta temporada. Tudo que se sabe que é houve um atraso causado pela pandemia, mas, de acordo com publicações recentes nas redes sociais do ator Sam Heughan, acredita-se que a produção já está em curso. Agora é uma questão de tempo.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›