DC é mais popular que a Marvel, declara diretor Zack Snyder

(Montagem: Divulgação/Guilherme Moreira)

O conflito entre Marvel e DC acontece há décadas. As duas gigantes dos quadrinhos e dos cinemas brigam por bilheteria e pela preferência dos fãs e, na opinião do diretor Zack Snyder (de Liga da Justiça), o universo das editoras nunca poderá ser comparado.

Segundo informações do We Got This Covered, em recente entrevista, Snyder tentou explicar a diferença entre o Universo Estendido DC (DCEU) e o Universo Cinematográfico da Marvel (MCU).

Na opinião do cineasta, o motivo das editoras nunca serem iguais está relacionado a personalidade de cada um ao pensar em uma produção.

“Eu simplesmente amo que eles [da DC] decidiram abraçar a personalidade. Sempre houve um tipo de crítica sobre ‘Qual é a etapa intermediária? Tentando ser como a Marvel? Tentando fazer suas próprias coisas?’ Acho que agora ela [DC] está presa a essa trajetória muito específica na qual, eu acho e espero, a ideia é que seja o cineasta primeiro. Que é basicamente o que o multiverso permite, primeiro o cineasta e então os personagens, a reunião entre os personagens”.

Segundo o cineasta, outro ponto que difere as duas gigantes é o sucesso das produções animadas da DC, que possibilitaram o surgimento de uma base de fãs própria.

Zack Snyder (Divulgação)

“Mesmo quando eu estava fazendo Homem de AçoBatman vs Superman e Liga da Justiça, havia filmes de animação da DC que não tinham nada a ver com o que estávamos fazendo, e havia programas de TV da DC que não tinham nada a ver com o que estávamos fazendo, e não havia como juntá-los sem alienar um fandom gigante dizendo ‘Seu Flash não conta’ ou ‘Seu programa de animação não significa nada’”.

“Eu acho que a Marvel, eles construíram ao longo de um longo período de tempo, então quando eles chegaram aos seus filmes posteriores, tudo estava meio que travado, e tudo estava se movendo na mesma direção”, continuou o cineasta. “Mas isso nunca iria acontecer porque os programas de TV da DC eram muito populares e porque seus programas animados eram muito populares”.

Zack Snyder e Henry Cavill (Divulgação)

“E os filmes (de Christopher Nolan) meio que tinham outro tom e outro universo. Então não havia nenhuma maneira dessas coisas irem como ‘OK, vamos dizer que essas coisas não existem agora, e é isso’. E eu acho que houve esse pensamento por um tempo, mas estou feliz que meio que se estabeleceu em uma abordagem muito mais diversa”, concluiu.

Snyder Cut de Liga da Justiça

O diretor Zack Snyder foi obrigado a deixar o filme Liga da Justiça antes que terminasse sua produção, após o suicídio de sua filha adolescente.

A Warner Bros. optou por trazer Joss Whedon ((de Os Vingadores e Os Vingadores: Era de Ultron)) para finalizar o trabalho.

Whedon regravou dezenas de cenas, modificando a obra por completo, desagradando aos fãs de Snyder, que nunca se recuperaram da versão final apresentada no filme.

Após inúmeras manifestações, o chamado Snyder Cut (versão de Snyder ao filme) foi confirmado, e será exibido em 4 capítulos de 1 hora de duração cada, com estreia prevista para março de 2021 na plataforma de streaming HBO Max.

Formado em Criação e Produção Audiovisual pelo CBM (Centro Universitário Barão de Mauá). Frequentador assíduo das salas de cinemas, é também colecionador há anos de filmes em DVD e Bluray. Atuou como produtor e editor do SBT e na redação de blogs e sites em geral. Atualmente, trabalha como redator do E-Pipoca.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›