Borderlands: Jack Black entra para o elenco do filme baseado em famoso game

Jack Black em Jumanji – Próxima Fase (Foto: Divulgação)

Jack Black acaba de ser anunciado no elenco do filme baseado no game Borderlands. Segundo informações da revista Variety, o astro será responsável por dar voz ao robô Claptrap, uma figura sarcástica que, nos games, passa a maior parte do tempo contando piadas e irritando jogadores.

A produção contará ainda com os atores Cate Blanchett, Kevin Hart e Jamie Lee Curtis. As gravações estão previstas para começar em 2021, mas o longa-metragem não possui uma data de previsão para estreia.

A adaptação cinematográfica de Borderlands será dirigida por Eli Roth, que já trabalhou com Blanchett e Black em O Mistério do Relógio na Parede (2018):

“Eu estou tão feliz de me reunir novamente com o Jack, dessa vez no estúdio de gravação de áudio. Captrap é o personagem mais engraçado do game e o Jack é perfeito para trazê-lo para as telonas”, disse o diretor.

O presidente da produtora Lionsgate, Nathan Kahane também falou sobre a contratação do astro para dar voz ao personagem mais engraçado do jogo:

“É uma das maiores decisões acertadas de elenco que já tomamos. Todos que já jogaram o jogo sabem que Jack é perfeito para este papel. Estamos entusiasmados por ele adicionar sua energia cômica infinita e voz ao nosso filme – ele acrescentará muito para o filme.”

O game Borderlands (Foto: Reprodução)

Lançado em 2009, Borderlands é um jogo de tiro em primeira pessoa com temática de fantasia, que já recebeu três continuações. O game se passa em um mundo fictício chamado Pandora, onde caçadores de recompensas tentam ganhar a vida em um mundo pós-apocalíptico dominado por corporações.

Aposentadoria adiada

A escalação de Jack Black para a a nova produção, fez cair por terra a ideia do astro em deixar a carreira de ator após Jumanji – Próxima Fase (2019). Na época, o ator declarou que estava pensando em se aposentar:

“Estou gostando da ideia de me aposentar mais cedo. Há tempos ando falando que este será meu último filme. Veremos. Tenho alguns truques na manga, mas não muitos. Quero descansar em breve, caminhar para o pôr do sol. Penso só no dia-a-dia. Se algo aparecer, como Quentin Tarantino bater na minha porta, eu farei este filme. Talvez eu faça como Tarantino e fale ‘Gente, eu fiz 99 filmes, vou só fazer mais um! Sair por cima!’ ”.

Formado em Criação e Produção Audiovisual. Frequentador assíduo das salas de cinemas e também colecionador há anos de filmes em DVD e Bluray. Atuou como produtor e editor do SBT e na redação de blogs e sites em geral. Atualmente, trabalha como redator do E-Pipoca.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›