Zendaya declara que vêm rejeitando interpretar personagens femininas rasas

(Divulgação)

Protagonista de um dos filmes mais aguardados da Netflix, Malcolm & Marie, a atriz Zendaya revelou à revista GQ que recusou vários papéis em 2020 pois tratavam-se de personagens femininas rasas.

“Não é que os roteiros eram necessariamente ruins. Senti que muitos dos personagens que li, especialmente as femininas, poderiam ser interpretadas como a mesma pessoa e não faria diferença. Geralmente elas servem o propósito de ajudar o personagem masculino a chegar onde precisa ou fazer o que tem que fazer.”

De acordo com Zendaya, a maioria das personagens que lhe foram oferecidas no último ano, não tinham um arco próprio:

“Elas não têm um arco próprio. Parecem ter apenas uma dimensão, sem muitas camadas, o que significa que todos parecem como a mesma pessoa repetidamente. Teria sido ótimo e teria ficado bom, mas eu não teria crescido nada na profissão.”

Em busca de papéis desafiantes, a atriz diz que sua personagem em Malcolm & Marie“ofereceu algo mais do que apenas a namorada passiva ou um acessório na narrativa de outro”.

John David Washington e Zendaya em cena (Divulgação / Netflix)

O filme rodado em segredo durante a quarentena e estrelado também por John David Washington (TENET), conta com roteiro e direção de Sam Levinson, com quem Zendaya trabalhou em Euphoria, aclamada série da HBO.

O longa conta a história do cineasta Malcolm que, ao retornar para casa após a estreia de seu filme, aguarda a resposta da crítica ao lado da namorada, Marie . Mas a noite toma um rumo inesperado quando revelações importantes colocam o amor do casal à prova.

Em entrevista a Level Magazine, Zendaya falou um pouco sobre sua personagem e compartilhou alguns detalhes sobre as gravações do filme, que foi rodado em um cenário único e com muitas restrições:

“Quando eu li o roteiro, eu imediatamente pensei ‘Todo mundo vai odiar a Marie, minha personagem’. Enquanto assistimos, como o público, cria-se essa ansiedade de que alguém vai dizer algo que nunca será capaz de voltar a atrás. Eu estava fascinada com a possibilidade de gravar um filme com apenas dois personagens. Era como uma peça de teatro. Foi um grande desafio para todos nós, porque nós filmamos tudo em um só espaço… não podíamos sair ou ir a nenhum lugar… Tive que arrumar meu cabelo sozinha e me maquiar no banheiro, e eu trouxe muitas roupas de casa para ajudar com o set”

Malcolm & Marie será lançado na Netflix dia 5 de fevereiro.

Formado em Criação e Produção Audiovisual pelo CBM (Centro Universitário Barão de Mauá). Frequentador assíduo das salas de cinemas, é também colecionador há anos de filmes em DVD e Bluray. Atuou como produtor e editor do SBT e na redação de blogs e sites em geral. Atualmente, trabalha como redator do E-Pipoca.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›