WandaVision: Matt Shakman fala sobre como explorar a história da série

WandaVision (Divulgação / Marvel)
WandaVision (Divulgação / Marvel)

A estreia de WandaVision está logo ali e a expectativa é enorme. Isso faz com que a série tenha um grande peso, não só por ser a primeira série da Marvel no Disney+, como também dará o pontapé inicial na Fase 4 do MCU.

Além das referências as sitcoms, WandaVision trará muito da bagagem contidas nas histórias de Wanda Maximoff (Elizabeeth Olsen) e do Visão (Paul Battany) nos longa metragens, como também das histórias em quadrinhos de ambos os personagens.

Em uma entrevista para o CBM, o diretor Matt Shakman abordou as diferentes histórias em quadrinhos que influenciaram a série ao mesmo tempo que elaborou uma nova história.

“Eu não poderia dizer muito sobre o precedente direto dos quadrinhos e sobre o que estamos construindo, mas eu diria que cada novo projeto MCU é como se fosse sua nova série de quadrinhos, nenhum deles são adaptações estritamente de um problema específico e muito parecido com muitos desses quadrinhos famosos, seja Vision & Scarlet Witch ou Witches Road ou House of M”.

“Cada um deles estava construindo sobre o que havia acontecido antes também, então é isso que realmente estamos fazendo. Estamos pegando tudo o que existia sobre Wanda no passado e osmosando e pensando sobre isso, mas fazendo algo novo, original, agora. Algo criado neste momento, respondendo a este momento e é isso que é empolgante”.

Reflexo do mundo atual

Anteriormente, o criador da série Jac Schaffer, falou para a SFX Magazine sobre WandaVision ser um reflexo do mundo atual.

“Acho que WandaVision é adequado para este momento no tempo. Acho que nosso show oferece muito conforto e muito consolo e descanso de muitas, muitas maneiras. E muitas delas não são totalmente intencionais, mas fortuitas”.

“A série é um reflexo de muito da ansiedade que estamos sentindo, e muito do pathos e do caos do ano passado, então parece muito certo para mim. Eu acredito que a Marvel também pensa da mesma maneira. Mary e eu, conversamos sobre isso o tempo todo e nos sentimos muito bem a respeito. Há algo especial sobre o momento”.

Formado em administração e psicologia. Fez curso de desenho com especialização em cartoons. Adora videogame, animações e filmes e séries de super heróis e monstros.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›