Marco Pigossi teve desafio ao viver policial em Cidade Invisível

Eric (Marco Pigossi) em Cidade Invisível (Reprodução)
Eric (Marco Pigossi) em Cidade Invisível (Reprodução)

A série brasileira da Netflix, Cidade Invisível, está sendo bastante comentada nas redes sociais desde que estreou no último dia 5 de fevereiro.

A fim de promover mais a produção, a Netflix fez uma sessão de entrevista recente com o ator Marco Pigossi, que interpreta o protagonista Eric, um policial cético que passa a acreditar na existência das entidades folclóricas depois que começa a investigar a morte da esposa.

O ator revelou como surgiu o convite para estrelar a produção.

Pigossi contou que já conhecia o diretor Carlos Saldanha há um tempo. Por isso, quando chegou para ele o convite e a oportunidade de se envolver no trabalho, ele não hesitou em aceitar, principalmente por se tratar de uma produção brasileira.

 “Eu procurava por novos desafios, novas histórias e novas possibilidades”, disse o ator que também está em outras duas séries da plataforma, Tidelands e Alto Mar.

“Quando ele [Carlos Saldanha] me contou que iríamos falar sobre o nosso universo folclórico dentro de um thriller policial, para mim foi a união de todos os mundos”, disse ele.

O ator contou também que um dos maiores desafios que enfrentou no processo de composição do seu personagem foi justamente o de compreender determinadas situações fora da realidade que apareciam nos roteiros

 “Eu me lembro de ler coisas nos roteiros e pensar como iria fazer aquilo”, disse.

“Como é que eu vou falar para outra pessoa que uma sereia tentou me matar? Como é que eu vou viver essas situações?”, explicou ele, destacando que quando leu os roteiros pela primeira vez, nem todos os personagens estavam completamente construídos ainda.

Desde a estreia no início do mês, Cidade Invisível alcançou o top 10 de pelo menos 40 países.

Além disso, diversos comentários de usuários fora do Brasil elogiaram a série e as figuras mitológicas que aparecem nela, como o Boto, a Cuca e o Saci Pererê.

A trama foi escrita pelos escritores de fantasia Carolina Munhóz e Raphael Draccon.

Um Psicólogo que estuda Medicina, ensina inglês, toca piano, ama escrever e tem um gato. =P


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›