Depois de criticar Disney, criador de Deadpool diz o que pensa sobre terceiro filme

Rob Liefeld
Rob Liefeld (Reproduçã0/ Twitter)

Depois de torcer o nariz e até brigar publicamente com a Disney, o criador de Deadpool, Rob Liefeld revelou o que sentiu ao saber sobre a produção do terceiro filme do herói.

Deadpool 3 finalmente começou a tomar forma na Marvel Studios, já que não havia notícia sequer sobre o seu desenvolvimento desde que a Fox (antigo estúdio responsável pela produção dos dois primeiros filmes) foi adquirida pela Casa do Mickey Mouse.

Isso chegou a causar chateação tanto em Liefeld, como em Ryan Reynolds quando ambos perceberam que a Disney chegou a divulgar as datas de estreias de todos os filmes da marca Marvel pelos próximos três anos, e isso não incluía o mercenário falador.

Em entrevista ao The Hollywood Reporter, sobre a terceira edição de sua história em quadrinhos derivada de GI Joe, Snake Eyes, o escritor foi questionado sobre sua reação ao ver Marvel Studios contratando os escritores de Bob’s Burgers, Wendy Molyneux e Lizzie Molyneux-Logelin para escrever Deadpool 3.

Liefeld disse que apoia a mudança, admitindo que é um fã da sitcom animada, então ele está extremamente animado com o que está por vir para o terceiro longa.

“Acho que as pessoas deveriam estar abertas a novas vozes. Sem novas vozes, eu nunca teria conseguido um emprego em quadrinhos. Sem novas vozes, Robert Kirkman [criador de Walking Dead] nunca entraria em quadrinhos”, disparou ele se mostrando a favor dos novos roteiristas.

O quadrinista chegou a postar em suas redes sociais uma ilustração do Deadpool matando Mickey, tamanha frustração com a Disney, e  foi duramente criticado pelos seguidores.

Ainda não há qualquer informação sobre o enredo do próximo Deadpool embora muito se diga, de que o acordo feito entre Reynolds, e a empresa (que tem como meta apostar em produções com classificação livre), não mude o jeito desbocado do personagem, e muito menos apague as características voltada para o público +18, que o fizeram ser um sucesso.

Paulo Afonso

Comunicólogo balzaquiano, paulistano, e com experiência vasta nesse mundo virtual. Adorador de séries, filmes, quadrinhos, e tudo o que envolve a cultura pop.


SIGA-NOS E VEJA MAIS