Francis Ford Coppola explica sua maior frustração em relação a George Lucas e Star Wars

Francis Ford Coppola (Divulgação)
Francis Ford Coppola (Divulgação)

George Lucas é conhecido mundialmente por Star Wars. Ele dirigiu quatro filmes da franquia desde 1977, mas vendeu sua preciosa franquia para Disney por volta de 2012, algo que o cineasta lembra com muito pesar.

Lucas foi aluno de Francis Ford Coppola no apogeu de Hollywood, e ambos trabalharam no filme American Graffiti. Em uma entrevista para a Variety (via IndieWire), Coppola revelou que se sente triste por Star Wars ter dominado a carreira de George Lucas.

“Bem, ele criou algo que trouxe alegria, felicidade e prazer – e até um pouco de sabedoria – para tantas pessoas. Quaisquer que sejam os benefícios que ele obteve, ele mereceu e é bem-vindo ”, disse Coppola. “Se sinto tristeza, é que ele não fez os outros filmes que faria. George é realmente uma pessoa brilhante e talentosa. Basta olhar para American Graffiti e ver todas as inovações. Devíamos ter bebido mais”.

Coppola ainda disse que está ciente de que a decisão de Lucas de dirigir apenas filmes de Guerra nas Estrelas o aborrece, acrescentando: “Estou em um ponto em que não consigo mais tocar no assunto. Eu meio que penso nele como um irmão mais novo. Nós, os mais velhos, temos que comemorar o sucesso [dos mais jovens]. Eu reconheço que minha filha, Sofia, é, de certa forma, mais bem-sucedida do que eu, e as pessoas estão mais interessadas no que ela vai fazer a seguir do que eu farei. É assim que deve ser”.

Decisão de vender a franquia

No livro The Star Wars Archives: Episodes I-III 1999-2005, George Lucas explicou o motivo de ter vendido a franquia Star Wars.

Então, decidi abrir mão disso, aproveitar o que eu tinha e estava ansioso para criar minha filha”.

Passei minha vida criando Star Wars – 40 anos – e desistir foi muito, muito doloroso. Mas foi a coisa certa a fazer”, acrescentou Lucas. “Achei que teria um pouco mais a dizer sobre os próximos três, porque eu já os havia iniciado, mas eles decidiram que queriam fazer outra coisa. As coisas nem sempre funcionam da maneira que você deseja. A vida é assim”.

Formado em administração e psicologia. Fez curso de desenho com especialização em cartoons. Adora videogame, animações e filmes e séries de super heróis e monstros.


SIGA-NOS E VEJA MAIS