Protagonista de Red: Crescer é uma Fera diz que ficou em choque ao conseguir papel

Rosalie Chiang também falou sobre suas pretensões para o futuro

publicidade

Uma novata na indústria cinematográfica, com apenas um trabalho em seu currículo quando fez o teste para dar voz a protagonista de Red Crescer é uma Fera, Rosalie Chiang contou sobre o emocionante momento em que soube que tinha conseguido o trabalho.

A atriz, hoje com 16 anos, tinha apenas 12 anos quando emprestou sua voz para Mei, e numa recente entrevista para o site americano Seventeen, quando indagada sobre sua memória favorita no filme, ela apontou uma delas como o instante em que soube que o papel era seu.

“Duas memórias aparecem na minha mente. O primeiro foi o momento em que conquistei [o papel de Meilin Lee], que aconteceu no final da minha sessão de gravação. Domee Shi, a diretora, trouxe esta câmera de documentário e disse: ‘Oh, estamos filmando essa coisa de bastidores’”.

“No último segundo, ela me deu um roteiro de uma página e eu disse: ‘Por que não me deu tempo para me preparar?’. Mas ela disse: ‘Não se preocupe com isso.’ O roteiro chega a um monólogo, que basicamente diz no final: ‘Nós amamos sua voz. Você pode, por favor, ser Mei?’”.

“Foi um momento que eu não antecipei, porque eu disse a mim mesma que havia uma chance de eu não conseguir, e tudo bem. Mas quando isso realmente aconteceu, aquele momento que eu estava sonhando, as estrelas se alinharam e eu congelei. Não sabia o que dizer porque estava em choque”, ela confessou.

publicidade
Rosalie Chiang é interprete de voz de Mei Lin em Red: Crescer é uma Fera (Reprodução/Youtube)

Ele prosseguiu se lembrando de outra memória que a marcou, quando seu aniversário coincidiu com seu último dia no estúdio.

“Minha segunda [memória favorita] foi no meu aniversário de 16 anos, que foi no dia da minha última sessão de gravação. Cupcakes foram trazidos e todos cantaram parabéns. Foi um bom final para esta longa jornada”, ela afirmou.

Ela finalizou a conversa respondendo sobre se tem outros projetos encaminhados e o que mais ela tem vontade de fazer no futuro, além de continuar atuando.

publicidade

“Não posso dizer agora. Mas eu tenho algumas coisas chegando. (Sobre o futuro) Só estou ansiosa pela imprevisibilidade. Eu gostaria de ir para a faculdade quando eu tiver 18 anos. Eu adoraria experimentar a vida universitária. Mas, ao mesmo tempo, quem sabe, talvez atuar vai decolar ainda mais e eu vou fazer isso. Estou pronta para o passeio”, ela garantiu.

Red: Crescer é uma Fera (Turning Red) está disponível no Disney+.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›