The Witcher | Filmagens da nova temporada são interrompidas por causa da COVID

Henry Cavill, protagonista da trama, testou positivo para a doença.

publicidade

As gravações de The Witcher precisaram ser interrompidas sem aviso prévio na última segunda-feira (25) porque o ator Henry Cavill testou positivo para covid-19.

O dia de gravações era importante, pois uma grande batalha dos livros seria filmada e exigia a presença do ator no set. Até o momento, não foram divulgadas informações sobre o retorno do artista às filmagens.

publicidade

É provável que o cronograma de gravações seja reajustado de modo a adiantar as cenas que não exijam a presença de Cavill a fim de não causar atrasos na estreia da terceira temporada.

Essa situação já ocorreu anteriormente. Em 2020, no auge da pandemia, as gravações também foram interrompidas porque membros da equipe contraíram o vírus.

Isso impactou na estreia da temporada, que precisou ser adiada para o final de 2021.

Enquanto a terceira temporada não chega, você pode assistir aos demais episódios na Netflix.

publicidade
Henry Cavill como Geralt em The Witcher
Henry Cavill como Geralt em The Witcher (Divulgação/ Netflix)

Diretor revelou o real motivo de ter rejeitado Henry Cavill para papel em 007

Em uma entrevista que concedeu à revista Men’s Health, no ano de 2019, Cavill afirmou que o diretor Martin Campbell o rejeitou em um teste que fez para interpretar James Bond, em 2006.

publicidade

Ele disse que o direto alegou que ele estava “um pouco gordinho” e, por isso, o personagem acabou ficando com Daniel Craig.

“Eu deveria ter me preparado melhor”, ele falou. “Lembro do diretor, Martin Campbell, dizendo: ‘você parece um pouco gordinho aí, Henry’.”

“Eu não sabia como treinar ou fazer dieta. E sou grato por Martin ter dito algo, porque eu respondi bem à verdade. Me ajudou a melhorar”, acrescentou Cavill.

Henry Cavill como Geralt de Rivia em The Witcher (Reprodução / Netflix)
Henry Cavill como Geralt de Rivia em The Witcher (Reprodução / Netflix)
publicidade

Agora, em uma nova entrevista, concedida ao Cinemablend, o diretor explicou que a escolha não teve nada a ver com aparência física ou estrutura corporal.

Campbell afirmou que Cavill se saiu bem no teste, porém, não tinha o perfil que o personagem exigia, já que ainda era muito novo.

“Eu realmente vi o teste dele para Bond, sabe? Ele fez um teste muito bom. [Mas] ele era muito jovem e também não era tão experiente quanto o Daniel. Daniel se encaixava no papel por ser um excelente ator e provavelmente o melhor ator entre todos eles.”, ele explicou.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›