Superman e Sandman estão conectados na nova série da Netflix? Entenda

Equipe criativa precisou apelar para os poderes do super-herói na hora de escolher ator principal.

publicidade

A série Sandman está sendo bastante aguardada na Netflix e já tem várias histórias para contar mesmo antes de estrear.

De acordo com David Goyer, que é um dos produtores e roteiristas da atração, a equipe criativa teve um longo trabalho para conseguir escalar o ator que seria considerado ideal para interpretar o personagem Morpheus.

publicidade

Assim, a fim de conseguir encontrar o ‘Morpheus perfeito’, eles tiveram a ideia de buscar nomes em listas de atores que já fizeram teste para interpretar o Superman, nas telas.

Segundo Goyer, os atores que já fizeram teste para viverem o super-herói costumam ser quase anônimos e pouco conhecidos, o que era exatamente aquilo que eles estavam buscando.

“Posso dizer que escalar Morpheus foi absolutamente a parte mais difícil da pré-produção. Não sei quantas pessoas fizeram testes, mas poderia ter sido mais de 700.”

“Morpheus não é um super-herói, mas se você olhar para as listas antigas do Superman, é útil para encontrar aqueles sem muita bagagem em grandes papéis. Não queríamos alguém maior do que a história.”, declarou ele à Revista Empire.

No final, o ator Tom Sturridge, de Piratas do Caribe, acabou sendo contratado.

publicidade
Sonho (Tom Sturridge) e Lucienne (Vivienne Acheampong) em Sandman Divulgação)
Sonho (Tom Sturridge) e Lucienne (Vivienne Acheampong) em Sandman Divulgação)

Gwendoline Christie ainda contou que está muito contente em poder interpretar Lúcifer em Sandman

A atriz de Game of Thrones contou ao site Collider que se sentiu muito feliz e emocionada quando recebeu o convite para dar vida ao poderoso anjo caído, na série.

publicidade

“Fiquei tão emocionada. Allen Heinberg, me pediu para interpretar Lúcifer, porque é um papel grandioso”, falou a atriz.

Christie até mesmo brincou com o fato de que, nas HQs de Neil Gaiman, Lúcifer foi o senhor do inferno por 10 bilhões de anos, o que o transforma em um dos seres mais cruéis do universo.

Para ela, entretanto, está sendo bastante “divertido ser horrível”.

publicidade

“Existem poucos atores que podem substituir isso – talvez Deus, seja lá o que for! Além disso, é divertido ser horrível”, afirmou.

Gwendoline Christie como Lúcifer em The Sandman (Reprodução / Netflix)

A atriz também assegurou que o personagem não sofreu alterações de gênero por ela ser mulher

“Neil esclareceu que Lúcifer é um anjo caído, e que um anjo não tem gênero. E eu posso atuar de forma andrógina. Sabemos disso pelo meu trabalho em Game Of Thrones. Então espero que tenha ajudado na interpretação.”, revelou à Revista Empire.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›