Sincerão, George Clooney vai contra cineastas e diferente lançamentos no streaming

George Clooney em

O ator George Clooney deu uma longa entrevista esta semana na qual discutiu sobre temas atuais como as plataformas de streaming, além de falar das decisões que tomou em sua carreira e o que torna alguém uma grande estrela do cinema.

Algumas considerações do ator a respeito do que significam as plataformas de streaming atualmente foram colocadas na mesa. As informações são do portal Deadline.

Clooney, que acabou de lançar O Céu da Meia-Noite na Netflix, abordou o significado das plataformas de streaming para o cinema, falando um pouco dos desafios que o cinema enfrenta na atualidade por conta da pandemia do coronavírus.

“Eu sei que há esse pânico sobre os cinemas porque eles não estão recebendo atenção por parte dos nossos governos, que é um grande setor da indústria. Nós subsidiamos as companhias de petróleo, poderíamos subsidiar as salas de cinema por um período de tempo.”

“Não estou preocupado com a nossa volta, o cinema sempre existirá, todos vamos estar juntos novamente, você ainda tem que sair uma hora dessas, certo?”

O ator continuou sua fala, então, explicando que se sente animado com o papel das plataformas de streaming atualmente e as vê como uma possibilidade para  a indústria cinematográfica continuar viva, continuar contando histórias e continuar gerando empregos.

Ele disse: “Mas eis o que os serviços de streaming têm feito: eles democratizaram e abriram muitos caminhos diferentes para contar histórias para jovens. Agora, entre os serviços de streaming, há milhares e milhares de empregos de atuação, direção e produção. O mundo está aberto e precisa de conteúdo.”

“Então, estou muito animado ao ver isso florescer, com a ideia de que teremos mais e mais e mais abertura. Entendo perfeitamente a pergunta e acho que estamos indo na direção certa. Espero, olhe, eu estive errado antes sobre isso, mas acho que estamos indo na direção certa.”


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›