Atriz compartilha fotos raras do set de Halloween; confira

Jamie Lloyd (Danielle Harris) em Halloween (Reprodução)
Jamie Lloyd (Danielle Harris) em Halloween (Reprodução)

Danielle Harris é uma das atrizes icônicas da franquia de filmes Halloween junto com Jamie Lee Curtis e Donald Pleasence.

Harris participou de quatro filmes do famoso assassino Michael Myers. Para lembrar desses momentos, a atriz compartilhou no Instagram algumas fotos adoráveis dos bastidores de Halloween 5 – A Vingança de Michael Myers.

Atriz fala da carreira

Em uma entrevista para o Comic Book, Danielle Harris relembrou sobre sua passagem pela franquia Halloween, que começou quando tinha apenas 10 anos.

A atriz também comentou sobre sua preocupação com pais apresentando filmes de terror muito cedo para crianças.

“Há anos venho tentando descobrir qual é o fascínio por aquele personagem em particular, porque obviamente há muitos personagens em toda a franquia que são icônicos e impressionantes”.

Ela continuou:

“Então, esse é o meu processo de pensamento, de qualquer maneira. Acho que todo mundo começou a assistir, como você dizia, esses filmes de terror, mais ou menos quando eles tinham nove, 10, 11 anos. É quando você dá uma olhada na HBO ou em uma fita VHS quando seus pais não estavam em casa ou seus pais achavam que era bem na época em que você tinha idade suficiente para sentar e assistir se eles fizessem parte desse [fandom]. Ouça, alguns pais agora mostram a seus filhos esses filmes muito, muito jovens e eu sempre fico tipo, ‘Uh, você tem certeza que é uma boa ideia? Meu personagem tentou matar sua madrasta no filme, então eu realmente não saiba se isso é algo que você deve apresentar ao seu filho.'”

Harris ainda falou da receptividade dos fãs que cresceram na mesma época que ela:

“Não havia muitos desses [filmes] realmente lançados naquela época. Então, acho que todo mundo meio que cresceu comigo e há essa alma gêmea [conexão]. Muitas pessoas dizem ‘Você parece acessível’, ou como a irmã mais nova de alguém ou a primeira namorada de alguém ou esse tipo de ‘todas as garotas’, o que também pode ser um pouco assustador porque às vezes não há esse limite, onde eles sentem que cresceram com você e você fica tipo, ‘Na verdade, eu nunca te conheci antes. Então você está me assustando'”.

Formado em administração e psicologia. Fez curso de desenho com especialização em cartoons. Adora videogame, animações, filmes e séries de super heróis e monstros.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›