Fãs colocam a culpa do cancelamento de Shadowhunters na Netflix

Shadowhunters: Divulgação

Shadowhunters é uma série baseada no livro Instrumentos Mortais, da autora Cassandra Clare. Ela foi exibida por três temporadas até que foi cancelada e deixou seus fãs órfãos.

Foram feitas inúmeras tentativas para continuar a franquia, porém elas tiveram que ser interrompidas quando a série mal conseguiu recuperar seu orçamento, assim como o filme, deixando claro que a falta de verba foi a razão que a levou à ruína.

No entanto, se há um nome a ser culpado, não é o da Netflix.

A Constantin Films produziu o show com a ajuda de um acordo feito com o canal Freeform já que ele exigia uma verba alta por conta da quantidade de efeitos especiais.

Quando o canal de TV cancelou o negócio, a Constantin Films não pôde mais manter a produção no ar. E nem o contrato com a Netflix deu um jeito de salvar. Acontece que Shadowhunters estreou em janeiro de 2016 na Freeform, alguns dias depois que o canal tinha mudado de nome (antes se chamava ABC Family).

A série chegou na Netflix no ano seguinte, e foi distribuída internacionalmente como sendo uma produção original, mas NÃO É! Ou seja, a Netflix não produziu o programa, só tomou para si esse mérito.

Shadowhunters foi cancelada em junho de 2018, mas lançou um final em duas partes para fechar as pontas soltas e encerrar a trama dignamente. Freeform abordou o cancelamento em um comunicado expressando a decisão de não renovar o show.

No entanto, a esperança não foi totalmente perdida. Os fãs, como sempre defendendo suas séries e personagens preferidos, se recusaram a aceitar a derrota e apenas após alguns momentos depois de a notícia do cancelamento chegar à internet, a hashtag SaveShadowhunters começou a bombar nas redes sociais.

O movimento dos fãs foi tão grande que foi apelidado de Save Shadowhunters Campaign e dois outdoors foram afixados na Times Square além de um banner com a inscrição “Salve Shadowhunters” colada em um avião que sobrevoava a sede da Netflix. (Será que essa galera estava pra brincadeira?)

No momento, a campanha ainda continua acontecendo, porém, não parece que a série tenha nenhum tipo de chefão interessado em fazê-la prosseguir, nem mesmo dentro da Netflix conhecida por salvar séries de outras emissoras do limbo, como fez com La Casa de Papel, Black Mirror e Lúcifer.

Um Psicólogo que estuda Medicina, ensina inglês, toca piano, ama escrever e tem um gato. =P


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›