Doutor Estranho 2 fez homenagem a antiga série do SBT e quase ninguém notou

Cena do filme da Marvel homenageou Xena: A Princesa Guerreira, que tinha Sam Raimi como produtor.

publicidade

O filme Doutor Estranho no Multiverso da Loucura fez uma homenagem a Xena: A Princesa Guerreira, série que tinha o diretor Sam Raimi como um de seus produtores.

A informação foi confirmada pelo próprio Raimi, que informou também que a cena em questão acontece no momento em que a sede dos Illuminati aparece. É lá que o público pode ver uma estátua de Xena, e o diretor explicou que o momento serve como homenagem a heróis e vilões.

publicidade

 “A cena presta homenagem a heróis e vilões. Ela é ambos, então é realmente apropriado para o momento,” afirma o diretor na versão comentada do filme.

Xena foi uma série dos anos 1990 que teve seis temporadas, estreladas pela atriz Lucy Lawless, entre os anos 1995 a 2001.

A trama apresenta uma ex-mercenária que tenta se redimir de seu passado controverso. Para conseguir isso, ela faz uma viagem à Grécia numa tentativa de fazer justiça.

Cenas de Doutor Estranho no Multiverso da Loucura (Montagem / Reprodução)

Cena de viagem no Multiverso quase não aconteceu no filme e foi inserida de última hora

publicidade

O supervisor de efeitos visuais, Alexis Wajsbrot, explicou que aquela cena que mostra Strange e America Chavez viajando pelo Multiverso não aconteceria conforme foi vista nas telas.

Ela foi adicionada posteriormente, quando faltavam apenas três meses para a iniciar a distribuição do filme.

publicidade

“Originalmente veríamos apenas uma queda livre e, até então, a cena tinha apenas de 15 a 20 segundos de duração. No mundo onde eles pararam seria onde se veria uma visão ampla dos Multiversos.”, explicou.

“Começaria com os dois em Kamar-Taj e terminaria com eles em um beco. Isso mudou cerca de três meses antes da entrega do filme!”

Roteirista afirmou que o Doutor Estranho terá um novo amor em filmes futuros

“Tivemos que concluir sua história com Christine Palmer. No final disso, Strange se afasta com essa sabedoria. Ele foi capaz de enfrentar seus medos e não ter medo de amar alguém ou deixar alguém amá-lo. Acho que esse é o lugar perfeito para ele estar mentalmente para finalmente conhecer Clea, que será uma figura muito importante em sua vida daqui para frente”.

“Acho que escalamos Charlize antes mesmo de sabermos exatamente o que iríamos fazer. Então resolvemos o nosso final da abertura do terceiro olho, as consequências, chegando até Strange, e você tem o seu final no estilo Acampamento Sinistro – o final oh-meu-Deus”, falou o roteirista.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›