Por que 4º episódio de WandaVision é tão diferente?

Wanda (Elizabeth Olsen) e Visão (Paul Bettany) em WandaVision (Reprodução / Disney+)
Wanda (Elizabeth Olsen) e Visão (Paul Bettany) em WandaVision (Reprodução / Disney+)

Nos três primeiros episódios de WandaVision, o público acompanhou as vidas de Wanda e Visão através das lentes das sitcoms.

Contudo, no quarto episódio houve um quebra brusca da narrativa quando a série passou a mostrar o que está acontecendo fora do mundo criado pela personagem de Elizabeth Olsen.

Em uma entrevista para o Collider, Jac Schaeffer, a criadora de WandaVision, comentou sobre ruptura da narrativa a partir do quarto episódio.

“Na verdade, remonta à minha proposta inicial para o show. Estou realmente inspirada por muito do conteúdo de televisão que está sendo lançado agora. E desenvolvi um gosto particular por episódios de garrafa. Não quer dizer que este é necessariamente um episódio de garrafa, mas coisas como o Episódio 4 de Boneca Russa ou o penúltimo episódio de Escape at Dannemora. Em Lost, quando você começava um episódio e ficava tipo, de quem é esse episódio? E você teria que esperar para entrar no flashback para descobrir isso”.

Ela acrescentou:

“E então apresentei isso como uma espécie de ideia, entramos na história neste mundo de sitcom e, em seguida, vários episódios, meio que reinicializamos e começamos com um personagem diferente e obtemos uma enorme quantidade de informações que têm grande influência sobre o que nós vimos até agora”.

Enredos sem sentido

Na mesma entrevista, Jac Schaeffer falou sobre o que levou a aceitar trabalhar em WandaVision.

“Eu adoro quando há uma ideia do tipo: ‘Isso não faz sentido’. Eu amo esse tipo de ideia porque é como, ‘Bem, como você faz isso funcionar?’. E quando ouvi pela primeira vez sobre isso, pensei que era tão emocionante, mas havia uma voz muito pequena dentro de mim que era como ‘Boa sorte’. Então sim. Eu também acho que é tão divertido pegar esses personagens que nós só vimos envolvidos na maior das estacas, em estacas galácticas, e tê-los preocupados em conseguir o jantar certo para o chefe. Esse é o tipo de coisa que quero assistir”.

Formado em administração e psicologia. Fez curso de desenho com especialização em cartoons. Adora videogame, animações, filmes e séries de super heróis e monstros.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›