Criadora de Ms. Marvel sabia que seria atacada por fãs

Sana Amanat afirmou que tinha consciência de que os fãs poderiam não ficar satisfeitos com as mudanças nos poderes da protagonista

publicidade

As várias mudanças que aconteceram na adaptação de Ms. Marvel para a televisão geraram inúmeras críticas da parte dos fãs, sendo o principal questionamento a alteração da origem dos poderes da protagonista.

A co-criadora e produtora supervisora da série, Sana Amanat, revelou ao site Entertainment Weekly que ela sabia que essas mudanças causariam polêmica mesmo antes de acontecer.

publicidade

“Cheguei na Marvel Studios há dois anos e meio. Vim por esse projeto, especificamente para supervisioná-lo para a produção, trabalhando com Bisha (K. Ali) e sua equipe. Eles estavam tentando mergulhar a história em um tipo diferente de mitos, conectados às histórias maiores do Universo Cinematográfico Marvel.”‎

“Então, meu primeiro pensamento quando entrei foi: ‘Bem, as pessoas vão ficar muito bravas quando isso sair.’”, falou ela.

Ms. Marvel (Divulgação/Marvel Studios)

O terceiro episódio da série revelou que esses poderes vêm dos Djinn, também conhecido como os Clandestinos.

Kamala Khan descobre que seus poderes vêm da luz de sua própria linhagem, que foi ativada por sua pulseira.

publicidade

A explicação para ninguém da família jamais ter cruzado o caminho dos Clandestinos é que, no passado, a avó de Kamala, Aisha, estava procurando seu caminho de volta para sua dimensão com os Clandestinos, mas eles foram separados por um desmoronamento.

Co-criadora revelou que queria ter explorado mais do personagem Adaga Vermelha

Também falando à Entertainment Weekly, Sana Amanat afirmou que gostaria de ter tido mais tempo para explorar o personagem Adaga Vermelha na série.

publicidade

“Sou uma grande fã do Adaga Vermelha. Adoraria fazer um pedido. A única coisa é que, se você me perguntasse o que eu gostaria se tivéssemos mais tempo, seria mergulhar na história de fundo da Ordem dos Adagas Vermelhas. Há muito mais em que estávamos infiltrando que simplesmente não tivemos tempo de filmar, francamente. Mas eu amo a equipe deles”.

Amanat ainda disse que o produtor supervisor e escritor Sabir Prizada é também um grande fã do Adaga Vermelha. Ela acrescentou:

“Ele chegou e disse, ‘ei, Adaga Vermelha é tão legal.’ Nós tiramos sarro dele um pouco. Eu amo muito Sabir, mas ele comentou, ‘sim, esse é o cara’. Eu concordo completamente, acho que o Adaga Vermelha é super incrível.”, afirmou ela.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›