Consultora explica como ensinou etiqueta aos atores de Bridgerton

Bridgerton: Reprodução

Para quem ainda não sabe, Bridgerton é uma série da Netflix cuja trama se passa no século 19 e conta a história de uma nobre família.

A trama foca em alguns dos costumes e futilidades da alta sociedade da época da Regência inglesa e mostra como surgiram os tabloides e a cultura das celebridades.

Entretanto, para quem pensa que contextualizar uma época antiga é só vestir roupas, fantasias e atuar bem, se engana. Os atores envolvidos na produção precisaram passar por aulas de comportamentos, gestos e reverências mais comuns da época.

Para isso, a produção precisou contratar a historiadora Hannah Greig que é especialista no período Georgiano do Reino Unido, localizado entre os séculos 18 e 19.

Ela já é reconhecida por ser consultora de filmes, programas de televisão e várias produções de época e revelou que toda a preparação ocorreu antes das filmagens, destacando que essa época foi justamente quando se deu o início do interesse pela vida de pessoas famosas.

– A etiqueta e as reverências

Bridgerton (Reprodução / Netflix)
Bridgerton (Reprodução / Netflix)

 “Tivemos um longo período de ensaios antes de começarmos a filmar. Fizemos um treinamento com Jack Murphy, o coreógrafo, que foi brilhante.”

“Conversamos sobre o que fazer quando se trata de reverências e hierarquia […] orientei sobre gestos e interações, quando se curva ou faz uma reverência ou o até o que pode fazer com o leque e como as pessoas se vestiam.”

“Uma grande diferença entre as reverências é que existe o que chamamos de reverência da corte, que se faz à Rainha: é muito baixa, tradicional e antiquada. E tem a pequena reverência que pode fazer para dizer ‘olá’ para alguém que conhece bem, quando entrar em uma sala ou um baile pela primeira vez.”, disse ela.

– O nascimento da cultura das celebridades

Bridgerton: Reprodução

“O período até o final do século 18, pouco antes da data de ‘Bridgerton’, é visto como o nascimento da era das celebridades. Tinham atrizes muito famosas no palco sendo pintadas por outros artistas, e os jornalistas estavam começando a seguir as celebridades para ver o que estavam fazendo.”

“A mentalidade de imprensa que temos hoje é algo que vemos começar a surgir no período Georgiano e as pessoas muitas vezes ficam muito surpresas com isso.”, contou a historiadora.

Um Psicólogo que estuda Medicina, ensina inglês, toca piano, ama escrever e tem um gato. =P


SIGA-NOS E VEJA MAIS