Chris Evans quase não interpretou Steve Rogers idoso em Vingadores: Ultimato

Chris Evans em Vingadores: Ultimato (Reprodução / Marvel)
Chris Evans em Vingadores: Ultimato (Reprodução / Marvel)

Após participação em nove filmes do Universo Cinematográfico Marvel (MCU), Chris Evans teve uma despedida épica como Capitão América nos minutos finais de Vingadores: Ultimato (2019).

Steve Rogers reapareceu como um homem bem mais velho após viajar no tempo, revelando que finalmente foi capaz de ter uma vida digna de ser vivida ao lado do grande amor de sua vida, Peggy Carter (Hayley Atwell).

Tal cena foi realizada em meio à uma combinação de maquiagem, próteses e efeitos visuais sutis para que Evans parecesse um homem de 90 e poucos anos. Porém, esse nem sempre foi o plano do Marvel Studios para a cena.

Anthony Mackie, intérprete de Sam Wilson/Falcão no MCU, revelou durante entrevista ao The Jess Cagle Show que os diretores Joe e Anthony Russo tinham outra coisa em mente para a cena final e Evans nem estava escalado para a versão mais antiga do Capitão.

“É engraçado porque eles realmente buscaram por um ator mais velho para interpretar Steve Rogers naquela cena. Lembro que fizemos testes com três. Nenhum deles se parecia com Chris (Evans) e acho que esse foi o grande problema. Estava mais para George Clooney ou algo do tipo. Ele vai ter 95 anos e ainda bonito, sabe?”

Chris Evans e Anthony Mackie em cena (Reprodução / Marvel)
Chris Evans e Anthony Mackie em cena (Reprodução / Marvel)

“Então, quando perceberam isso, decidiram trazer a equipe de maquiagem, criar algumas próteses e transformar Chris em um idoso. E ele provou o quão grande ator é quando até mesmo a voz ficou perfeita. Foi um trabalho incrível.”

Questionado se o seu personagem irá assumir o escudo do Capitão América na série Falcão e o Soldado Invernal, Mackie disse que ainda não sabe:

“No final de Vingadores: Ultimato, o Capitão decidiu que ia se aposentar e perguntou para mim se eu assumiria o escudo, mas eu nunca disse, em momento nenhum, que concordava ou que seria o Capitão América. Então a série anda nessa linha de quem vai assumir o escudo e ser o Capitão se o Steve não voltar”.

Formado em Criação e Produção Audiovisual pelo CBM (Centro Universitário Barão de Mauá). Frequentador assíduo das salas de cinemas, é também colecionador há anos de filmes em DVD e Bluray. Atuou como produtor e editor do SBT e na redação de blogs e sites em geral. Atualmente, trabalha como redator do E-Pipoca.


SIGA-NOS E VEJA MAIS