Ator e megaprodutor, Tyler Perry faz documentário sobre vacina da Covid-19 a pedido de médicos

Tyler Perry
Tyler Perry (Reprodução)

O ator e superprodutor de TV e cinema, Tyler Perry resolveu apostar num produto diferente desta vez.

Acostumado a fazer produções dramatúrgicas com temática negra, ele vai lançar um documentário que tem como assunto a vacina preventiva da Covid-19. E esse insight aconteceu depois que o próprio tomou as duas doses da vacina nos Estados Unidos.

Enquanto no Brasil crescem os casos de pessoas furando fila, Tyler explicou que foi convidado por profissionais da área da saúde a tomar a vacina, e falar sobre isso publicamente para que as pessoas entendam que a vacina é uma coisa boa, e que vai apenas ajudar as pessoas (que tal qual aqui ficaram céticas).

“Se você olhar para a nossa história neste país, o experimento de Tuskegee, Henrietta Lacks, levanta bandeiras para nós como afro-americanos. Então, eu entendo por que há um ceticismo saudável sobre a vacina”, disse ele em entrevista ao programa CBS This Morning.

Perry explicou que também tinha dúvidas, mas não em relação à todas as vacinas, e sim sobre o desenvolvimento da tecnologia desta em especial, devido à pressa com que ela foi feita.

“Não achei que pudesse confiar nela. Mas assim que consegui todas as informações, descobri os pesquisadores, fiquei muito, muito feliz”, disse, ele ao tomar a vacina da Pfizer. “Não tive nenhuma reação à primeira injeção. Esta injeção que tomei ontem, acordei com algumas dores. Mas tomei um pouco de Advil há cerca de uma hora e me sinto bem agora.”

Experiência própria

“Eu tenho uma equipe que trabalha para mim, e eles são, em sua maioria, afro-americanos que estavam céticos sobre a vacina. Quando eles se sentaram na sala, enquanto eles trabalharam nas câmeras, fazendo cabelo, maquiagem e todas essas coisas, eles ouviram todas as informações e, quando chegamos ao fim, todos queriam tomar a vacina. Então, acho que, de novo, tudo vai de volta para obter as informações corretas e de pessoas em quem você confia e entende. Acho que esta última administração causou muitos danos ao diminuir a confiança no que se refere a esta vacina. Mas as informações que encontrei foram muito úteis.”

O documentário feito por ele irá ao ar na TV americana na noite desta quinta-feira (27).

Comunicólogo balzaquiano, paulistano, e com experiência vasta nesse mundo virtual. Adorador de séries, filmes, quadrinhos, e tudo o que envolve a cultura pop.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›