Astros de Top Gun: Maverick falam da ansiedade por espera de dois anos para estreia

Alguns membros do elenco ficaram mais ansiosos pelo filme ser uma grande avanço em suas carreiras

publicidade

Atualmente uma das maiores bilheterias do ano, Top Gun: Maverick chegou às telas 36 anos depois de seu original, e se essa espera foi grande para os fãs, a demora para o lançamento do longa, somente dois anos após ser finalizado, criou alguma ansiedade em seu elenco.

Em uma entrevista com o site americano CinemaCon, logo após a premiere do filme, o diretor Joseph Kosinski, já havia comentado sobre a emoção de enfim ver o trabalho pronto nas telas e poder acompanhar a reação do público.

“É surreal. Como eu disse, faz dois anos que não terminamos este filme. Eu gostaria que todos que trabalharam no filme pudessem estar aqui para assistir com o público, porque essa foi uma experiência muito especial para experimentar isso, terminou, com 3.000 pessoas. Foi realmente único”, ele afirmou.

publicidade
Miles Teller em Top Gun: Maverick (Reprodução)
Miles Teller em Top Gun: Maverick (Reprodução)

Mais recentemente, durante uma participação no talk show americano Late Night, Miles Teller abordou assunto, enquanto conversava com Seth Meyers sobre o filme, relembrando como ele e o restante do elenco precisaram aguardar bem mais do que esperado, para ver seu trabalho nos cinemas.

O ator ressaltou que, embora não poder falar muito sobre o filme para não deixar escapar spoilers tenha sido bastante chato, ele ainda estava envolvido em outros projetos dos quais podia falar e estava vendo sua carreira progredir, diferente de alguns colegas de cena.

“Eu tinha feito um monte de filmes de antemão, então eu não senti que eu precisava deste filme para garantir o trabalho futuro. Mas alguns dos atores nele, você sabe, esta foi uma grande vitrine para eles”.

“E eu acho que se alguma coisa me incomodou, foi apenas que fiquei chateado pelos fãs. Porque os fãs que encontramos estavam loucos. Eles são tão vorazes e estavam esperando e eu mal podia esperar que eles vissem, porque, como você viu, o filme estourou”, ele salientou.

Glen Powell em Top Gun: Maverick (Reprodução/ YouTube)
publicidade

A colocação de Teller sobre outros membros do elenco estarem mais ansiosos porque o filme seria um marco importante e uma grande ascensão em suas carreiras, é muito realista, como a declaração de Glen Powell no CinemaCon comprovou.

“Quero dizer, sim, é um pouco chato quando você tem que esperar sua carreira começar. É um grande segredo, essa coisa incrível que você não pode mostrar a ninguém. Mas é realmente uma grande sensação saber que você está sentado em um vencedor, você sabe, sabendo que você está trabalhando com os melhores cineastas”, ele desabafou.

publicidade

Top Gun: Maverick ainda pode ser visto em alguns cinemas do país.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›