Vikings: Comparações entre a morte de Bjorn Ironside na vida real e na série

Vikings: Reprodução

A maioria dos personagens de Vikings são baseados em pessoas da vida real ou em lendas existentes que deram base à criação dos seus personagens.

Bjorn Ironside é descrito como um personagem que existiu na vida real e que viveu entre os povos Vikings.
Abaixo fizemos uma comparação, com base em informações dadas pelo site britânico Express.co, sobre a morte do personagem na vida real e na série.

1. Bjorn Ironside na vida real

O personagem é baseado no chefe viking de mesmo nome. Ele é considerado como o filho de Ragnar Lothbrok (que é interpretado por Travis Fimmel na série), embora não exista nenhuma certeza da existência de Ragnar na vida real. Acredita-se que sua história seja uma lenda baseada em vários homens.

Bjorne teria sido um grande comandante naval por volta dos anos 855 e 858 depois de Cristo e chegou com seus homens para invadir o Mediterrâneo, a Itália e a poderosa cidade de Paris, com seu poderoso exército Viking.

Bjorn Ironside governou Uppsala e a Suécia. Na série, ele é o filho mais velho de Lagertha (interpretada por Katheryn Winnick) com Ragnar, porém, acredita-se que ele era filho de Aslaug, a terceira esposa de Ragnar, interpretada por Alyssa Sutherland.

O verdadeiro Bjorn quase morreu em uma batalha, em seu retorno ao Estreito de Gibraltar, onde foram surpreendidos, ele e seus homens, por navios de Al-Andalus.

Ele acabou perdendo 40 dos seus navios, mas conseguiu retornar à Escandinávia e morreu como um homem muito rico, sendo sucedido por seu filho Erik.

2. Bjorn está realmente morto em Vikings?

Embora acredita-se que o personagem tenha morrido, o showrunner da série, Michael Hirst, não chegou a confirmar a informação (e nem negar). Tudo que ele disse foi:

“Acho que você pode dizer com segurança que Bjorn está gravemente ferido”. Ele revelou que o rei Harald (Peter Frazén) também está “gravemente ferido”.

“Essa é uma das desvantagens de estar em uma batalha, eu acho. Isso também pode acontecer, mas tudo será revelado.”

“Se vocês têm lágrimas para derramar, estejam preparados para derramar”.

“As personagens que todos nós, incluindo eu, passamos a amar, têm seus destinos decididos, se eles vão viver ou morrer está nas mãos dos deuses, mas é claro, eu também tive uma participação nisso. Acho que a conclusão da saga é profundamente satisfatória, um final adequado e significativo”, falou ele.

“Espero que todos os nossos fãs se sintam da mesma forma”, concluiu Michael. “Tentei fazer justiça a todos os meus personagens e espero ter conseguido”.

COMENTE

Um Psicólogo que estuda Medicina, ensina inglês, toca piano, ama escrever e tem um gato. =P