Taron Egerton explica como Rocketman ajudou a evoluir sua carreira

Graças a Rocketman e seu trabalho ao lado do diretor Dexter Fletcher, Taron Egerton pode ver um filme muito mais além da atuação.

publicidade

Em uma entrevista exclusiva para o Screen Rant, Taron Egerton detalhou como Rocketman o encorajou a olhar para outros papéis na indústria cinematográfica além de atuar.

Egerton disse que foi por causa de seu relacionamento com o diretor Dexter Fletcher que ele pôde se envolver na direção, edição e design musical de Rocketman.

publicidade

“Quando eu fiz Rocketman, por causa dos elementos musicais dele, eu estava envolvido com muitos elementos da narrativa que não eram apenas sobre a atuação. Eu tinha um relacionamento próximo com o diretor – não era nosso primeiro projeto – então eu estava entrando na edição para ver como as coisas estavam indo. E eu gostava dessas conversas; eu gostava de estar no estúdio e aprender sobre como a música se encaixaria no filme e todo o resto”.

Foi então que Egerton perguntou se ele poderia ser adicionado ao filme como produtor, e Egerton admitiu que ficou surpreso quando a resposta foi sim.

“Quando isso aconteceu, eu sabia que estava interessado em conversas sobre cinema e atuação. Então, eu apenas perguntei a eles se eu poderia ser um produtor e se eles aceitariam minha opinião dessa maneira. E eles, muito surpreendentemente e gentilmente, disseram que sim. Foi assim que aconteceu comigo”.

Taron Egerton como Elton John em Rocketman (Reprodução)
Taron Egerton como Elton John em Rocketman (Reprodução)
publicidade

Rocketman é um filme biográfico de Elton John. O longa metragem musical arrecadou cerca de US$ 195,3 milhões em bilheteria e foi muito bem recebido pelo público e pela crítica.

Graças a Rocketman, Egerton ganhou um Globo de Ouro de Melhor Ator em Filme Musical, e o filme ganhou um Oscar de Melhor Canção Original por (I’m Gonna) Love me Again de Elton John.

publicidade

Esta não foi a primeira vez que Egerton e Fletcher trabalharam juntos. Fletcher também dirigiu o filme biográfico Voando Alto, de 2015, estrelado por Egerton no papel principal do esquiador britânico Michael Edwards.

Dexter Fletcher, também dirigiu a cinebiografia do Queen, Bohemian Rhapsody, depois que Bryan Singer foi removido do projeto.

Taron Egerton tem créditos em filmes como Kingsman: Serviço Secreto, Robin Hood – A Origem, Juventudes Roubadas e Sing, e série como Lewis, Watership Down, O Cristal Encantado: A Era da Resistência e Black Bird

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›