Sony pode apostar em filme solo de outro famoso personagem do universo do Homem-Aranha

Tom Holland como Peter Parker / Homem-Aranha — Foto: Divulgação
Tom Holland como Peter Parker / Homem-Aranha — Foto: Divulgação

Segundo informações do site The Illuminerd, a Sony Pictures pretende continuar expandindo o universo compartilhado do Homem-Aranha após Morbius, Venom e Kraven, o Caçador.

Nesse momento, o estúdio vêm discutindo a produção de um longa-metragem do Sombra (Dusk), uma das identidades do cabeça-de-teia.

Nos quadrinhos, Sombra apareceu pela primeira vez em Peter Parker: Spider-Man, sob a batuta de Howard Mackie e John Romita Jr. Peter utilizava um uniforme que surgiu numa dimensão paralela que podia se ocultar e planar.

Sombra dos quadrinhos do Homem-Aranha — Foto: Reprodução
Sombra dos quadrinhos do Homem-Aranha — Foto: Reprodução

O Sombra assumia o lado mais sombrio do herói e seu lado científico, com um traje criado para acessar uma dimensão diferente da nossa.

Ele representava não apenas o uniforme negro, mas uma característica que muitas vezes esquecemos: a futilidade do Aranha e sua capacidade de manter-se longe do foco e do perigo.

Além dessa versão, temos também Cassie St. Commons sendo conhecida como Sombra. Suas habilidades incluíam tele transporte, projeção de energia sombria, manipulação de sombras e muito mais.

O The Illuminerd não especificou de qual versão o filme seria inspirado.

Morbius

Também parte do universo do Homem-Aranha, Morbius é centrado em um personagem da Marvel, bioquímico, vencedor do Prêmio Nobel que acabou se tornando um vampiro após tentar se curar de uma rara doença do sangue.

Jared Leto em cena de Morbius — Foto: Divulgação
Jared Leto em cena de Morbius — Foto: Divulgação

O vencedor do Oscar, Jared Leto, interpretará o protagonista e vêm demonstrando otimismo quanto ao lançamento da nova produção da Sony:

“Acredito que Morbius será o tipo de filme perfeito para as pessoas aproveitarem na reabertura dos cinemas, depois dessa situação da COVID-19. Aquele tipo de filme que você diz: ‘Vamos ao cinema, nos divertir e curtir um grande filme de Hollywood.’ Eu adorei a abordagem que criaram. É a história de uma pessoa frágil, no final de sua vida, que de repente fica incrivelmente vibrante e saudável. As coisas começam a mudar, e há um preço a ser pago.”

“É interessante porque tive a chance de fazer algo inédito, que Marvel ou Sony ainda não tinham explorado antes. Atualmente, é difícil encontrar algum personagem que já não tenha aparecido em alguma capacidade. É um papel emocionante em uma expansão no universo do Homem-Aranha.”

Formado em Criação e Produção Audiovisual. Frequentador assíduo das salas de cinemas e também colecionador há anos de filmes em DVD e Bluray. Atuou como produtor e editor do SBT e na redação de blogs e sites em geral. Atualmente, trabalha como redator do E-Pipoca.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›