Sarah Michelle Gellar odiava como Mestres do Universo tratava mulheres

Sarah Michelle Gellar
Sarah Michelle Gellar (Divulgação)

Sarah Michelle Gellar, a eterna Buffy revelou que não se identificava com absolutamente nada em Mestres do Universo, filme da década de 80, por ele ter valorizado apenas homens.

Ela, que dublará uma personagem na nova versão do desenho que está sendo feito pela Netflix, garantiu que dessa vez, tudo será diferente.

“Não havia como essa história [significar algo] para mim porque todas as mulheres eram personagens pensadas posteriormente. Elas não tinham o poder e as histórias não eram sobre elas”, disparou numa entrevista para a Entertainment Weekly.

A atriz disse que algumas personagens como Evil-Lin eram interessantes, mas não tinham propósito. Ela citou que nem Teela, que era aliada do protagonista, o príncipe Adam, sabia que ele secretamente era o He-Man.

“Ela estava em todos os episódios e nem mesmo fazia parte da história. Não havia profundidade. Agora você entende o que é ser essas duas pessoas. Há muito mais para desfrutar.”

Sarah Michelle acha que dessa vez, Teela terá um papel de destaque:

“O que me prendeu foi a história. Honestamente, foi apenas o roteiro. São personagens que você sonha interpretar e emoções que sonha vivenciar. Então eu ouvi a paixão de Kevin. Sou fã de Kevin [Smith, diretor] . Devo dizer que adoro trabalhar com ele como diretor, do jeito que ele assiste suas performances. Eu realmente pude saber, mesmo apenas no Zoom, quando ele estava realmente empolgado com algo ou quando algo não funcionava. Era quase como se ele não tivesse onde se esconder quando você estava no Zoom, porque é apenas seu rosto grande aqui.”

Gellar começou a gravar seu papel de voz de Teela em um estúdio antes da pandemia.

Paulo Afonso

Comunicólogo balzaquiano, paulistano, e com experiência vasta nesse mundo virtual. Adorador de séries, filmes, quadrinhos, e tudo o que envolve a cultura pop.

Veja mais ›