Raya e o Último Dragão: Diretor revela que animação trará discussões sobre confiança e união

Raya e o Último Dragão — Foto: Divulgação / Disney
Raya e o Último Dragão — Foto: Divulgação / Disney

Durante entrevista ao ComicBook, o co-diretor Don Hall revelou alguns detalhes inéditos sobre a nova (e aguardada) animação da Disney, Raya e o Último Dragão. Segundo ele, o longa trará uma temática baseada em confiança e união:

“Acho que, mesmo sendo um mundo de fantasia, a ideia era termos uma metáfora visual bem clara para união, que foi o rio de dragões que era parte de uma ilha e depois se fragmentou em diferentes territórios. A união sempre foi o objetivo, mas era um tema muito abrangente e pensamos sobre quais seriam os obstáculos para conseguir isso – daí a confiança se tornou a temática mais interessante de explorar.”

Raya e o Último Dragão — Foto: Divulgação / Disney
Raya e o Último Dragão — Foto: Divulgação / Disney

“Por exemplo, Raya, vive em um mundo quebrado onde não se pode confiar em ninguém e ela tem suas justificativas, creio eu. Como parte do público, você pensa: ‘sim, eu percebi o que você passou e entendo’.”

“Na verdade, atingir esse nível de unidade temática em uma história é um trabalho pesado. E requer disciplina de história, mas também requer a habilidade de executar isso e fazê-lo com coração e humor.”

Criada pelos roteiristas Qui Nguyen (de The Society) e Adele Lim (de Podres de Ricos), a animação contará com as vozes de Kelly Marie Tran, como Raya, e Awkwafina, como o último dragão Sisu.

Dirigido por Hall e por Carlos López Estrada, o longa é a 59º animação da Disney e sua primeira aventura de fantasia inspirada nas culturas do sudeste asiático.

Raya e o Último Dragão estreia simultaneamente no Premier Access do Disney+ e nos cinemas em 5 de março. Confira abaixo o trailer dublado:

Sinopse oficial divulgada pela Disney:

‘Há muito tempo, no mundo de fantasia de Kumandra, humanos e dragões viviam juntos em harmonia. Mas quando uma força maligna ameaçou a terra, os dragões se sacrificaram para salvar a humanidade. Agora, 500 anos depois, o mesmo mal voltou e cabe a uma guerreira solitária, Raya, rastrear o lendário último dragão para restaurar a terra despedaçada e seu povo dividido. No entanto, ao longo de sua jornada, ela aprenderá que será necessário mais do que um dragão para salvar o mundo – também será necessário confiança e trabalho em equipe’.

Formado em Criação e Produção Audiovisual. Frequentador assíduo das salas de cinemas e também colecionador há anos de filmes em DVD e Bluray. Atuou como produtor e editor do SBT e na redação de blogs e sites em geral. Atualmente, trabalha como redator do E-Pipoca.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›