Quadrinista não é creditado em Mulher-Maravilha 1984 e diretora toma atitude

Patty Jenkins (Divulgação)
Patty Jenkins (Divulgação)

Liam Sharp foi um dos artistas das HQs da Mulher-Maravilha no início do Renascimento DC. Infelizmente, ele acabou não sendo creditado no longa metragem Mulher-Maravilha 1984.

Contudo, a diretora Patty Jenkins percebeu que Sharp foi esquecido nos créditos e agradeceu o quadrinista através do Twitter. A cineasta escreveu:

“Caramba! Acabei de descobrir que seu nome não estava nos agradecimentos de Mulher-Maravilha 1984. Não tenho ideia de como isso aconteceu, já que você estava na lista! Obrigado Liam Sharp por todo o trabalho que você fez com essa personagem!! Queríamos que você visse isso na telona!”.

Por sua vez, Liam Sharp agradeceu a mensagem da diretora:

“Patty – MUITO obrigado! Significa muito para mim saber que deveria estar lá, e que houve um descuido – imaginei que tivesse acontecido. Realmente agradeço que você tenha escrito isso e me deixado saber. A um maravilhoso Ano Novo!”.

Recepção da crítica

Veja abaixo o que os críticos de disseram de Mulher-Maravilha 1984 que estreou no Natal no HBO Max e nos cinemas.

“Suponho que haverá uma sequência para esta sequência. Nesse caso, nenhuma reclamação minha, especialmente se Wiig e Pascal estiverem nele” – Stephen Romei, The Australian.

“Gadot como Mulher Maravilha – ou Diana Prince, como ela é mais conhecida – pode ser o melhor elenco para um papel de super-herói desde que Christopher Reeve vestiu a capa do Homem de Aço” – Jake Wilson, The Age (Australia).

“É uma aventura refrescantemente boba e arejada focada nas emoções de uma personagem, a Mulher-Maravilha (interpretada por Gal Gadot), e um final encantador para um ano cansativo de cinema” – David Sims, The Atlantic.

“Jenkins e Gadot fizeram isso: eles me fizeram investir no bem-estar emocional de um super-herói da franquia” – Dana Stevens, Slate.

“Mulher-Maravilha de 1984 está perdendo aquela centelha do primeiro, mas ainda é divertido. Só precisava ser pelo menos 30 minutos mais curto. Um filme da DC Comics para toda a família” – Tania Lamb, Lola Lambchops.

Formado em administração e psicologia. Fez curso de desenho com especialização em cartoons. Adora videogame, animações e filmes e séries de super heróis e monstros.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›