Por que A Saga Winx da Netflix é diferente dos desenhos animados

Netflix divulgou recentemente teaser-trailer da segunda temporada

publicidade

Baseada no desenho animado lançado pela Nickelodeon em 2004, a série Fate: a Saga Winx estreou na Netflix em janeiro de 2022. A primeira temporada atraiu os fãs do desenho, mas também foi alvo de algumas críticas envolvendo a falta de fidelidade à produção original.

Elenco de Fate: A Saga Winx: (Divulgação)
Elenco de Fate: A Saga Winx: (Divulgação)
publicidade

Na concepção da versão live-action, os criadores da série optaram por não seguir à risca a estética do desenho de 2004.

Isso porque a versão animada das protagonistas trazia padrões estéticos de magreza e beleza que não condizem com a realidade das pessoas. Por isso, entendendo que tais padrões poderiam ser nocivo para as audiências mais jovens, o showrunner Brian Young decidiu apostar numa abordagem visual mais realista:

“Sou um grande fã de anime mangá e fã do próprio desenho animado. Mas, claro, esses são desenhos animados. Ninguém se parece com isso. Era a coisa mais importante para mim que cada criança pudesse se sentir como se se visse nele… Garotas reais, pessoas reais.”, explicou o showrunner ao jornal britânico The Guardian.

No entanto, apesar desse cuidado com o visual representativo das personagens, Fate: A Saga Winx recebeu críticas ao escolher atrizes de pele clara para interpretar as personagens originalmente chamadas de Musa e Flora.

publicidade

Além disso, muitos fãs entenderam que a série falhou ao representar a sororidade entre as protagonistas, que durante boa parte da temporada fazem comentários ácidos entre si.

Recentemente, a Netflix divulgou um teaser-trailer da segunda temporada das Winx. No vídeo de quase 2 minutos, é marcada a chegada da personagem Flora. A personagem será interpretada pela atriz Paulina Chavez.

publicidade

A nova temporada deve chegar à Netflix ainda no final deste ano. Apesar de alguns pontos, a série já gera grandes expectativas

publicidade

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›