Outlander: por que personagens coadjuvantes são os verdadeiros heróis?

(Murtagh) Duncan Lacroix e Jamie (Sam Heughan) em Outlander (Reprodução)
(Murtagh) Duncan Lacroix e Jamie (Sam Heughan) em Outlander (Reprodução)

Outlander é um conto de amor, bravura e coragem e, por isso, não faltam heróis no show. Cada um deles com uma característica especial e um motivo para ser tratado como verdadeiros heróis, eles contribuem para a trama de uma forma muito especial e merecem destaque por isso.

Marsali

Marsali não é apenas a esposa de Fergus, mas também uma força da natureza. Ela é perspicaz e uma jovem poderosa que ferozmente protege a si mesma.

Sua coragem é tão grande que, na quinta temporada, ela administrou uma injeção letal em Lionel Brown, o homem nojento que havia sido responsável pelo sequestro de Claire e o hediondo estupro coletivo que ela sofreu.

A coragem que deve ter sido necessária para tirar a vida de um homem que magoou alguém que ela amava fazia de Marsali uma pequena heroína.

Lord Grey

Um dos personagens coadjuvantes mais inteligentes de Outlander é Lord John Gray e, por isso, ele é um dos favoritos dos fãs no programa. Ele é gentil, compassivo e inteligente, e seu relacionamento complexo e em camadas com Jamie conquistou corações.

Quando menino, ele se levantou contra Jamie e seus homens pela honra de Claire, embora ela fosse uma completa estranha para ele na época. Mais tarde ainda, ele foi corajoso o suficiente para defender Jamie, fazendo com que ele passasse sua liberdade condicional com uma família respeitada em Hellwater.

Além de ter sido um dos salvadores da vida de Jamie, ele foi um cavalheiro ao se oferecer para casar com Brianna, quando ela estava grávida e aguardando notícias de Roger MacKenzie.

Mas, seu maior heroísmo está na maneira como ele conduziu sua própria vida, sabendo que seus sentimentos apaixonados por Jamie nunca iriam se concretizar.

Lord John Grey (David Berry) e Jamie Fraser (Sam Heughan) em Outlander (Reprodoução)
Lord John Grey (David Berry) e Jamie Fraser (Sam Heughan) em Outlander (Reprodoução)

Jocasta Cameron

Como proprietária do opulento River Run, Jocasta pode parecer mais privilegiada do que a maioria dos outros, mas foi preciso coragem e muita força para se manter tão poderosa em sociedade dominada por homens.

Por isso, ela é uma verdadeira sobrevivente, principalmente quando foi revelado que ela havia perdido sua filha, Morna, em uma tragédia chocante logo após a Batalha de Culloden.

O incidente a deixou abalada, mas ela continuou enterrando sua dor e transformando-a em poder. Como uma mulher que conquistou respeito por seu próprio engenho, Jocasta é uma lutadora.

Mestre Raymond

Raymond desempenhou um papel crucial nos acontecimentos da segunda temporada. Ele tinha um boticário em Paris, que Claire visitava com frequência, e fez amizade com ela, salvando sua vida mais tarde.

Depois que Claire ficou gravemente doente ao perder sua primeira filha, ele entrou no L’Hopital des Anges e a salvou, mesmo quando estava sendo procurado.

O ato foi particularmente corajoso, pois os homens do rei Luís XV estavam procurando por ele e ele poderia facilmente ter fugido sem arriscar sua vida e segurança.

No fim das contas, Claire usou sua inteligência diante do rei para conseguir salvar o amigo.

Veja mais ›