Novo filme de Chris Pratt pode trocar cinema por streaming; entenda

Chris Pratt (Divulgação)

Segundo informações do Deadline, a Paramount Pictures e Skydance estão considerando vender The Tomorrow War, novo filme estrelado por Chris Pratt, para serviços de streaming.

O longa, também produzido por Pratt, foi apresentado às empresas interessadas recentemente e, segundo o site de notícias, conseguiu arrancar boas reações.

Não foram especificadas quais plataformas estavam presentas, mas a Amazon, Apple, Hulu e Netflix com certeza estão no páreo.

O drama de ficção científica tem direção de Chris McKay.

Com roteiro de Zach Dean (de A Fuga e Um Dia Para Viver), a história acompanha um pai de família que é recrutado para lutar numa guerra futurística, onde o destino da humanidade dependerá de sua habilidade em consertar erros do passado.

No elenco do filme temos também J.K. Simons, Betty Gilpin e outros.

The Tomorrow War tinha previsão de chegar aos cinemas em dezembro de 2020, mas a Paramount optou por adiá-lo para 23 de julho deste ano. Agora, caso alguma plataforma tenha interesse em pagar pelo longa, uma nova data de exibição será divulgada.

(Divulgação)

Love and Monsters

Essa não seria o primeiro título vendido pela Paramount durante a pandemia da COVID-19. Nos últimos meses, o estúdio comercializou Os 7 de Chicago, Bob Esponja e, recentemente, Love and Monsters, que estreará no meio deste ano na Netflix.

Com direção de Michael Matthews e roteiro da dupla Brian Duffield e Matthew Robinson, a história gira em torno de um jovem caçador chamado Clyde (Michael Rooker), que ensina Joel Dawson (Dylan O’Brien) a sobreviver num mundo pós-apocalíptico dominado por monstros gigantes, enquanto ele cruza o país numa viagem para encontrar a garota (Jessica Henwick) de seus sonhos.

Confira as principais críticas:

“Uma excelente exibição da imaginação contagiante e da energia cômica de O’Brien.” – RogerEbert.com.

“Um filme criativo pós-apocalíptico sobre a maioridade…” – New York Times.

“Uma aventura despreocupada através de uma zona de perigo apocalíptica.” – The Hollywood Reporter.

“Uma referência levemente humorada às aventuras de ação para adolescentes dos anos 80 e 90.” – Variety.

Formado em Criação e Produção Audiovisual pelo CBM (Centro Universitário Barão de Mauá). Frequentador assíduo das salas de cinemas, é também colecionador há anos de filmes em DVD e Bluray. Atuou como produtor e editor do SBT e na redação de blogs e sites em geral. Atualmente, trabalha como redator do E-Pipoca.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›