Jamie Campbell Bower conta que adivinhou reviravolta de Stranger Things antes da finale

Ator matou a charada enquanto se preparava para o papel.

publicidade

ATENÇÃO: esta matéria trata de SPOILERS do final da quarta temporada de Stranger Things.

Jamie Campbell Bower já tinha suas teorias sobre uma informação revelada na finale de Stranger Things, e ele acertou na mosca.

publicidade

O ator interpreta Vecna, o grande vilão da quarta (e possivelmente da quinta?) temporada da série. Em um bate-papo que teve com o Entertainment Weekly, Jamie contou sobre a preparação para o papel, que envolveu um painel semântico (ou moodboard) de tudo o que ele estava pensando sobre o personagem.

Segundo Jamie, ele já tinha matado a charada de que Vecna tinha criado o Devorador de Mentes nesse período. Ele revelou que em seu painel, uma foto de Will estava no meio, com a criatura logo a seu lado.

Depois que ele recebeu os roteiros dos episódios do volume dois, ele ficou muito empolgado em saber que suas teorias estavam corretas:

“Eu não queria comentar antes quando eu estava dando entrevistas pela primeira vez porque eu não queria entregar nada. Mas o Devorador de Mentes estava do lado do Will o tempo todo. Então quando eu vi o episódio nove que isso estava acontecendo, só confirmou aquilo que eu achava que eu já sabia. Eu falei, ‘Eu não estou doido!’, foi muito, muito legal de verdade.”

publicidade
Devorador de Mentes em Stranger Things (Reprodução)
Devorador de Mentes em Stranger Things (Reprodução)

Ator diz que vilão foi detido por ‘sorte’

Jamie comentou sobre a batalha final entre Onze e Vecna com o The Hollywood Reporter, em que a garota conseguiu superar os poderes telepáticos do vilão e vencê-lo nesta luta (mas não na guerra, aparentemente).

publicidade

O ator disse que muito daquela vitória se devia a fatores externos a Onze, incluindo a união de seus amigos, que contribuíram de alguma forma de onde estavam, e também uma pitadinha de sorte:

“É aquela batalha entre o que é percebido como o bem e a chamada escuridão. E naquele momento no tempo, o bom parece estar prevalecendo. Mas nem tudo é tão preto no branco quanto aquilo. Eu acho que a ideia de que talvez, como unidade e como um grupo, existe força neles. E o indivíduo sozinho não consegue vencer, o que é metaforicamente uma forma interessante de ver isso. Mas eu só acho que ela deu sorte.”

A quarta temporada de Stranger Things já está disponível na íntegra na Netflix.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›