J.K. Rowling pode faturar mais de R$ 700 milhões com nova série de Harry Potter

J.K. Rowling (Divulgação)
J.K. Rowling (Divulgação)

O HBO Max planeja produzir uma série live-action no universo de Harry Potter. Segundo o The Hollywood Reporter, os executivos da plataforma e da Warner Bros. Pictures estão em reuniões com escritores para encontrar um roteirista e uma proposta para trazer a franquia de sucesso para a televisão.

Até o momento, as conversas ainda estão no início e nenhum acordo foi fechado.

De acordo com a diretora e fundadora da NRPR, Natalie Rita, se o projeto for adiante, a autora dos livros do jovem bruxo, J.K. Rowling, poderia adicionar milhões à sua fortuna, mesmo após ter sido ‘cancelada’ nas redes sociais.

“Só com os filmes, estima-se que Rowling tenha faturado 475 milhões de libras (aproximadamente R$ 3,5 bilhões), já que os filmes renderam mais de 5,1 bilhões de libras (cerca de R$ 37 bilhões) em bilheteria global entre 2001 e 2011. O hype de Harry Potter só aumentou ao longo dos anos com a peça ‘Harry Potter e a Criança Amaldiçoada’ e os filmes da franquia ‘Animais Fantásticos’, então a série de TV está fadada a ser um sucesso não apenas para os fãs, mas para J.K., já que ela supostamente vendeu os direitos de produção de TV por cerca de 18 milhões de libras (R$ 133 milhões) em 2016”.

Cena de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban (Divulgação/Warner Bros.)
Cena de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban (Divulgação/Warner Bros.)

“Isso significa que ela poderia essencialmente adicionar mais de 100 milhões de libras ao seu atual patrimônio líquido de 795 milhões de libras.”

Recentemente, autora passou por situações difíceis por seus comentários transfóbicos nas redes sociais, provocando diversos boicotes por parte dos fãs.

Na época, estrelas do elenco de Harry Potter, como Daniel Radcliffe, Bonnie Wright e Rupert Grint compartilharam mensagens de apoio à comunidade trans.

Parte dos fãs da saga, também chamados Potterheads, compartilharam opiniões contras a produção da suposta série, justamente pelo envolvimento de Rowling:

“Não há literalmente nada que eu queira mais do que uma série de TV ‘Harry Potter’, mas como podemos obtê-la sem dar uma única moeda para JK Rowling?”, questionou Alex Goldschmidt no Twitter:

(Reprodução/Twitter)
(Reprodução/Twitter)
(Reprodução/Twitter)
(Reprodução/Twitter)

Formado em Criação e Produção Audiovisual. Frequentador assíduo das salas de cinemas e também colecionador há anos de filmes em DVD e Bluray. Atuou como produtor e editor do SBT e na redação de blogs e sites em geral. Atualmente, trabalha como redator do E-Pipoca.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›